Categories: Bem estar

Inveja

Todo ser humano, vez ou outra, sente uma pontinha de inveja, mas é preciso cuidado para que isso não vire um sentimento persistente, contínuo e destruidor. Eu acredito que não existem sentimentos ruins ou bons, todos eles são úteis para nosso crescimento, mas é necessário que tenhamos consciência deles, compreendendo e buscando melhorar a cada dia.

A inveja é um sentimento de cobiça, de desejar ter o que o outro tem, de querer tomar e destruir o outro. Segundo o Dicionário Aurélio, a inveja é o desgosto ou pesar pelo bem ou felicidade de outrem, é o desejo violento de possuir o bem alheio. Dito isto, a pessoa invejosa na verdade apresenta um sentimento de auto-aversão, ou seja, ela não valoriza a si mesma nem o que tem, se sentindo inferior a todos e tendo inveja por não ser como o outro.

É, na verdade, uma energia bastante destrutiva, se você permitir que ela faça parte da sua vida. Muitas vezes somos invejados no nosso trabalho, por namorar certa pessoa, por ter um cabelo bonito, um corpo bacana, dinheiro, inteligência, bom gosto… Podemos ser invejados por qualquer coisa. Mas será que você não está dando brecha para que isso te atinja?

Quando saímos contando nossas conquistas, vitórias e felicidades para todos os cantos do mundo, é claro que isso pode despertar sentimentos de inveja, pois vivemos em uma sociedade competitiva, que valoriza mais o TER do que o SER. Por isso, aprenda a se preservar, não saia contando tudo da sua vida para qualquer um, afinal, nunca se sabe quem realmente quer seu bem.

A inveja que o outro tem de você só vai entrar na sua alma se você baixar a guarda. Quando coisas ruins acontecem, costumamos logo acusar a inveja de alguém, mas muitas vezes fomos nós que deixamos que a insegurança, o receio e a fraqueza determinassem que a inveja do outro nos atingissem. A dica é permanecer determinada a conquistar tudo o que você quer, sem abrir espaço para dúvidas e questionamentos a cerca da sua própria capacidade, assumindo sua parcela de responsabilidade pela sua vida.

Acredito também que a inveja pode ser tanto negativa como positiva. A pessoa que sente inveja e que faz de tudo para destruir o outro nunca poderá ser realmente feliz. Ela só está se privando de conquistar as coisas por mérito próprio e de crescer, pois o foco dela é a destruição e não a própria evolução. Nesse caso, a inveja está sendo sinônimo de cobiça e, enquanto a pessoa invejada continua seguindo em frente, a que inveja vai ficando cada vez mais para trás.

Quando a inveja é positiva, ela serve de mola para que fiquemos determinadas a conquistar algo. Aqui, a inveja é sinônimo de admiração e a pessoa não desejar ferir nem tomar nada do próximo, apenas deseja, um dia, conquistar ou chega ao mesmo lugar que o outro. Por exemplo, se você admira sua amiga que está com uma carreira estável e brilhante, ganhando bem, isso pode servir de estímulo para que você comece a batalhar, estudar e investir na sua carreira, buscando, um dia, alcançar a tal estabilidade e ter uma vida melhor, tal como sua amiga.

Ainda existe uma diferença entre SER invejoso e ESTAR com inveja. O ser implica algo que provavelmente nunca mudará. A pessoa que é invejosa nunca admite esse sentimento, pois significa, para ele, admitir sua inferioridade. Os que são invejosos simplesmente não conseguem ser feliz e tratam logo de destruir a felicidade alheia.

Quando declaramos que estamos com inveja, significa que é algo passageiro e pode até mesmo ser alguma piada ou brincadeira com os amigos, como quando dizemos que estamos com inveja da amiga que ganhou uma viagem de férias para uma praia paradisíaca e dizemos brincando: “Tomara que chova o tempo todo!”, sem desejar que isso realmente aconteça.

Se você sente que convive com pessoas invejosas e que isso está te prejudicando, procure se fortalecer e não deixar que esse sentimento mexa com sua cabeça nem com sua autoestima. Para se proteger, nunca se rebaixe ao nível dos invejosos (ou seja, não recorra à vingança!), nunca retorne o mal com o mal (faça só o bem!) e tente ignorar (gaste seu tempo com coisas positivas!).

Se você sente inveja das outras pessoas, procure refletir sobre isso: só temos satisfação em nossas vidas quando conquistamos tudo por mérito próprio, e  não quando é feita em cima da destruição da conquista do próximo. Somos seres totalmente diferentes uns dos outros, com personalidades, sonhos, desejos e características próprias, assim, não dá para usar o outro como medida para a sua vida, que é única. E não se esqueça: destruir uma pessoa não vai te fazer chegar aonde ela chegou!

Beijos!

Amanda (amandacarvalho@patricinhaesperta.com.br)

Inveja
ESTA DICA FOI ÚTIL? VOTE AQUI

Compartilhar
Tags: Bem estarinvejaPapo de mulher
Kalina Amaro

Sou jornalista, blogueira, louca por cosméticos e chocolate. ? Escrevo sobre um pouco de tudo que for relacionado ao universo feminino.. mas você vai ver meus posts mais na categoria beleza. Se esta dica foi útil pra você VOTE no meu post clicando na entrelinha ☝ acima, tá? Faça seu comentário abaixo. Beijos lindonas ?

Postagens recentes

Receitas Para O Cabelo Crescer Rápido

Faça O Cabelo Crescer Rápido Você quer que o seu cabelo cresça mais rápido? Aprenda receitas para o cabelo crescer…

12 horas atrás

Sobrancelhas Postiças – Como Usar, Cuidados, Onde Vende, Valor

Sobrancelhas Postiças – Já ouviu falar? Nosso rosto é sem dúvidas a porta de entrada de qualquer lugar. Ter falhas…

3 dias atrás

Máscara Wella 30 segundos Resenha

Máscara Wella 30 segundos resenha Olá, amoreeee! Se você é como eu, vive numa correria danada, sabe bem que cuidar…

3 dias atrás

Manchas nas Axilas? Como Evitar

As mulheres possuem alguns dilemas comuns de beleza, e um deles é a axila escurecida e manchada. Sim, ela fica…

3 dias atrás

O que é Ballet Fitness?

Entre as opções de atividades aeróbicas disponíveis nas academias, está o ballet fitness, que consiste em uma espécie de dança…

3 dias atrás

Batom Líquido Matte: Os Melhores, Resenhas, Preços

O batom matte é uma tendência que realmente veio pra ficar e está na boca de mulheres em todo o…

4 dias atrás