Categories: Cabelos

Cabelo Afro: Aprenda a Cuidar

 

O cabelo crespo, afro,  é bem comum aqui no Brasil, sendo mais  fácil de ser encontrado em meninas de pele mais morena ou negra.

Cuidar desse tipo de cabelo não é, de verdade, mais difícil do que cuidar dos “cabelos problemáticos”, como o cabelo loiro, o cabelo alisado e assim por diante. Não é difícil mas exige cuidados específicos.

Tempos atrás a grande maioria das meninas de cabelo afr0 alisavam os fios, o que era uma pena, porque o cabelo afro natural, quando bem tratado, é lindo. Mas, ainda bem, a coisa já vem evoluindo, e tem sido bem comum encontrar meninas com o cabelo afro natural, mas também com tranças enraizadas, com black power, com rastafári, dentre outros.

Como se sabe, a estrutura do cabelo afro tende a ser mais frágil devido ao seu formato, que é, ao invés de cilíndrico, achatado. Além disso, eles tendem a ser irregulares, já que são mais estreitos em umas partes e mais largos em outras partes, o que acaba interferindo na lubrificação uniforme dos fios, o que dificulta, e muito, a manutenção da hidratação natural dos fios, já que a lubrificação não consegue alcançar às pontas.

Pra completar, nesse tipo de cabelo as cutículas possuem menos camadas, o que fragiliza ainda mais os fios, que quebra com mais facilidade.

Mas, existem cuidados super básicos que garantem a beleza do cabelo afro. Vamos conferir?

Cuidados na Lavagem dos Fios

Já fiz alguns posts aqui falando sobre como é importante lavar corretamento um cabelo, pois esse é um cuidado simples que faz toda a diferença.

Pra começar, é preciso escolher os produtos certos, que sejam específicos para esse tipo de cabelo. Vou colocar, no próximo post, uma lista de produtos indicados, tá?

Além dos produtos certos, que falarei já, é preciso prestar a devida atenção na temperatura da água, na aplicação correta do shampoo, na remoção total dos condicionador e vários outros fatores.

O shampoo deve ser aplicado no couro cabeludo e no comprimento dos fios, massageando com leveza e enxaguando completamente em seguida, até que a água saia cristalina. Em seguida, aplica-se o condicionador nos fios, no comprimento e nas pontas, evitando a raiz. O condicionador, ao contrário do que muita gente pensa, deve ser completamente removido até que a água saia sem resquícios do bendito!

Uma coisa que é preciso prestar a devida atenção é que esse tipo de cabelo geralmente demora mais pra secar, sobretudo na parte de cima, no couro cabeludo, e isso ocorre por causa do próprio formato dos fios, que tende a reter água. O grande problema disso é que, muitas vezes, as pessoas dão um espaço muito grande entre uma lavagem e outra, o que prejudica a saúde dos fios, a saúde do couro cabeludo e pode, inclusive, causar doenças, como, por exemplo, a dermatite seborreica.

No mais, quanto mais tempo passa entre uma lavagem e outra, mais o cabelo embaraça, embola e quebra, o que não é nada bom. Falando em cabelo embaraçado, esse é um cuidado que precisa ser tomado, porque o cabelo afro embaraça muito facilmente, e a melhor forma de desembaraçá-lo é com ele ainda úmido. O ideal é que seja usado um pente de dentes largos, e o ato de pentear deve começar nas pontas, ir para o comprimento e somente por último chegar à raiz e não o contrário.

O pente de madeira é uma excelente opção, pois ajuda a reduzir a eletricidade dos fios e não é tão “agressivo”.

Por fim, vale lembrar que o cabelo, seja ele afro ou não, não deve ser torcido com a olha, mas sim friccionado suavemente para a correta remoção do excesso de umidade.

Só Pode Pentear se Tiver Molhado?

Já falei acima que o melhor é pentear esse tipo de cabelo quando ele estiver umedecido para evitar a quebra dos fios e manter os cabelos com forma. Contudo, ele pode sim ser penteado seco, desde que sejam tomados os devidos cuidados. Pra fazer isso de forma mais segura para o seu cabelo, use uma escova de cerdas naturais, que ajuda a controlar a eletricidade dos fios. O grande problema aqui é que pentear o cabelo seco faz com que ele perca forma e fique extremamente volumoso

Pra quem quiser pentear os fios secos, a dica é fazê-lo a noite, antes de dormir, e aplicar uma hidratação noturna em seguida, das que não precisam ser removidas, pois assim os fios ficam domados.

Creme de Pentear: Arma do Bem!

O creme de pentear, também chamado de creme sem enxágue ou leave-in é um daqueles produtos que não pode faltar pras meninas de cabelos afros, pois mantém os fios hidratados ao longo do dia, dá forma aos cachos e ajuda na definição dos fios e no controle do volume.

O correto é usá-lo nos fios úmidos, do comprimento às pontas, em quantidade adequada pra alcançar todo o cabelo e deixar os fios secarem naturalmente. O cabelo pode ser penteado após o uso do condicionador ou no momento da aplicação do creme de pentear. Pode-se, para ajudar na formação dos cachos, amassar os fios, de baixo para cima, após a aplicação do creme de pentear.

O creme de pentear pode ser usado, também, no cabelo seco, mas de maneira diferente. É só colocá-lo em um borrifador com água e borrifar quando os fios estiverem muito ressecados. Assim fica fácil manter o cabelo “domado” e definir mais os cachos.

O quantidade a ser usada depende de vários fatores, como o tamanho e volume do cabelo, e o tipo de produto a ser utilizado, já que alguns produtos são mais potentes que outros. Além disso, quanto mais denso for o produto, menor deve ser a quantidade aplicada. Via de regra, uma quantidade equivalente a uma moeda de R$ 1 é suficiente para um cabelo “no ombro”, e é sempre bom começar com uma quantidade menor, pois assim dá pra sentir aos poucos as necessidades reais do cabelo.

Uma boa forma de observar se a quantidade está ou não sendo suficiente é ver se, ao longo do dia, o cabelo está ficando ressecado, volumoso e sem controle. Nesse caso, é preciso usar uma quantidade maior de produto. Se, ao contrário, o cabelo fica opaco, pesado e sem movimento

A quantidade a ser usada vai variar de acordo com o tamanho e o tipo de fio. Se você vai começar a usar o leave-in, utilize uma quantidade pequena, do tamanho de uma moeda de 10 centavos e vá sentindo a necessidade dos seus fios. Caso ele perca a forma o fique com aspecto ressecado no correr do dia, use um pouco mais, caso ele fique pesado e sem movimento, use menos.

Hidratar é Mais Que Preciso!

Assim como qualquer outro cabelo, o cabelo afro precisa de muita hidratação, e isso precisa ser feito com produtos potentes, de uma a duas vezes por semana. Os óleos e as manteigas vegetais são ativos nutritivos muito recomendados para esse tipo de cabelo, sobretudo o óleo de abacate, de jojoba e a manteiga e karité e de murumuru.

Óleos finalizadores também são boas opções para manter o controle dos fios ao longo do dia, assim como as máscaras hidratantes líquidas, que podem ser utilizadas várias vezes ao dia e repõem a hidratação de forma imediata.

A umectação feita com óleos vegetais também é bastante indicada, pois a reposição lipídica ajuda a manter o cabelo controlado, com menos volume e com o frizz reduzido.

O Corte Certo

O corte certo é essencial pra conseguir manter o cabelo afro longe das químicas, pois ele ajuda a modelar os cachos e as ondas, a reduzir o volume, a aumentar o volume, a adequar as proporções e muitas outras coisas. O corte reto é sempre uma péssima ideia nesses casos, já que o volume fica concentrado apenas nas pontas, criando o efeito de um “triângulo”, o que não é nada bom. Corte em camadas suaves e assimétricas ou repicados laterais leves são investimentos certeiros.

Pra manter o corte, o certo é que ele seja refeito a cada dois ou três meses.

Químicas Possíveis: Relaxamento

O relaxamento é uma das químicas mais comuns paras as meninas de cabelo afri, pois o intuito da técnica não é alisar os fios ou acabar com os cachos, mas sim reduzir o volume.

São muitos os relaxamentos disponíveis, e os ativos podem ser os mesmos dos alisantes, já que o que vai mudar é a forma de aplicação e o tempo de ação. Além disso, via de regra, não utiliza-se a prancha, somente o secador. Isso é importante pois, no alisamento, é a prancha que intensifica o liso.

O relaxamento pode ser refeito, geralmente, a cada três meses, mas isso depende muito do produto utilizado e da estrutura do fio, bem como da quantidade de vezes que o cabelo é lavado durante a semana e da manutenção, que é feita com produtos específicos.

Eu ainda acho que o afro natural é lindo, desde que bem cuidado, como qualquer cabelo, mas o relaxamento é sim uma opção menos agressiva que o alisamento.

Cabelo Afro: Aprenda a Cuidar
ESTA DICA FOI ÚTIL? VOTE AQUI

Compartilhar
Kalina Amaro

Sou jornalista, blogueira, louca por cosméticos e chocolate. ? Escrevo sobre um pouco de tudo que for relacionado ao universo feminino.. mas você vai ver meus posts mais na categoria beleza. Se esta dica foi útil pra você VOTE no meu post clicando na entrelinha ☝ acima, tá? Faça seu comentário abaixo. Beijos lindonas ?

Postagens recentes

Cabelos Curtos para Senhoras: Ideias Pra Copiar Já

Cabelos Curtos para Senhoras Cabelo curto é ideal para mulheres que querem parecer mais jovens - além de ser muito…

3 dias atrás

Remédio Que Tira Vontade de Comer Doce: Resenha Cromo

Picolinato de Cromo Resenha Sabe quando estamos de TPM e dá aquela vontade louca de comer doces? Pois bem, o…

4 dias atrás

Corte Para Cabelo Longo: Tendências, Fotos Inspirações

Corte para cabelo longo A gente fala muito por aqui dos cortes para cabelos curtos que estão super em alta,…

3 semanas atrás

Acidificante: O Que É? Como Usar?

Acidificante Desde que postei no meu instagram @blogdakika sobre o [acidificante da K.Pro] recebo muitas perguntas de leitoras que querem…

3 semanas atrás

Acidificante K Pro Resenha: O Que É, Como Age, Como Usar

Acidificante K Pro Olá miossss amores.... Hoje vou falar do [acidificante da KPro]! Quem me acompanha por aqui ou nas…

3 semanas atrás

Fabíula Nascimento Cabelo: Cor do Cabelo, Corte, Fotos Inspirações

Fabíula Nascimento Cabelo A atriz Fabíula Nascimento mudou o cabelo recentemente e agradou seus fãs... A diva que agora desfila…

3 semanas atrás