Qual o melhor tipo de açúcar?

Qual o melhor açúcar?

O açúcar pode ser classificado em refinado, cristal, demerara, mascavo, entre outros. Mais recentemente surgiram o açúcar light e o açúcar de coco. Ressalta-se que quanto mais escuro é o açúcar, mais vitaminas e sais minerais ele possui, e mais perto do estado bruto ele está. A cor branca significa que o açúcar recebeu aditivos químicos no último processo da fabricação, o refinamento.

Vamos entender um pouquinho de cada um:

Açúcar refinado: também conhecido como açúcar branco, é o mais conhecido entre os açúcares. Durante o processo de refinamento, alguns aditivos químicos, como enxofre, são adicionados para dar a coloração branca. Nesse processo, porém, as vitaminas e sais minerais são perdidos.

Açúcar cristal: é apresentado na forma de cristais grandes e transparentes, e passa por processo de refinamento em que cerca de 90% das vitaminas e minerais são retirados.

Açúcar demerara: passa por um refinamento leve e não recebe aditivo químico. Por isso, seus grãos são marrom-claros, possui valor nutricional alto, parecido com o do açúcar mascavo. A melhor escolha para este tipo de açúcar é a forma orgânica, porque mantém todos os nutrientes sem a adição de defensivos agrícolas.

Açúcar mascavo: é a forma mais bruta de extração do açúcar da cana, sendo extraído depois do cozimento do caldo de cana. Como não passa por refinamento, apresenta coloração mais escura e sabor mais encorpado, semelhante ao da cana-de-açúcar. Sem refinamento, são preservados as vitaminas e os minerais como cálcio, ferro, zinco, magnésio e potássio.

Açúcar de coco: é um substituto do açúcar de cana, extraído do fluido das flores da palma de coco, que não passa por refinamento e adulteração, além disso, não contém conservantes. Ele possui elevada quantidade de potássio, magnésio, zinco e ferro e é fonte natural de vitaminas B1 , B2 , B3 e B6 . Apresenta baixo índice glicêmico, sendo digerido mais lentamente.

Açúcar light: também conhecido como açúcar fit, ou açúcar magro, é mistura do açúcar refinado comum e de adoçantes artificiais como sucralose, ciclamato de sódio e sacarina sódica. O açúcar light é menos calórico que o açúcar comum, em função de seu menor teor de sacarose, porém deve ser consumido com cautela. Apesar de conter menor teor de sacarose em relação aos outros tipos de açúcares, o açúcar light não contém nutrientes e não pode ser considerado um alimento saudável.

Entendendo a diferença entre cada tipo de açúcar, temos que estar conscientes que, mesmo alguns preservando suas vitaminas e minerais, não deixam de ser açúcar e devem ser usados com moderação, assim como o açúcar branco.
Muitas pessoas tem o pensamento errôneo que, escolhendo o açúcar mascavo, ele pode ser usado à vontade, o que não é verdade.

O ideal seria usar o mínimo possível de açúcar em nossa rotina alimentar e aprender a saborear os alimentos com seu gosto natural e não modificado.

Abrindo um parênteses nessa questão, é importante salientar que o açúcar não deve ser ofertado à crianças menores de 2 anos de idade, assim como alimentos industrializados, onde a maioria apresenta açúcar adicionado.

Deixe seu comentário