Categories: Relacionamento

E quando o namorado tem filhos? – PARTE I

1.73 Votos de 5

Oi meninas!

Imagine que você começa a namorar um homem muito especial, maduro, honesto, que te faz feliz e… que tenha filhos. Bem, isso não é tão difícil de acontecer, pois hoje em dia é cada vez mais comum a formação de novas relações em que um ou os dois parceiros já possuem filhos.

Entrar em um relacionamento assim pode ser algo assustador e até mesmo conflituoso, mas existem algumas coisas que podem te ajudam a manter um bom relacionamento com o filho do namorado.

É preciso compreender que a criança sempre virá em primeiro lugar e que ela tem o direito de se sentir insatisfeita ao ver o pai namorando pois além de ser uma situação nova, ela talvez não saiba como lidar com os sentimentos que aparecem diante da idéia de dividir a atenção do pai com outra pessoa. Assim, aprenda a se colocar no lugar da criança e a agir com maturidade: ela pode até birrar e relutar em te aceitar, mas você não pode ter comportamentos infantis e ficar competindo.

Segue alguns tópicos que devem ser considerados:

1)     Aceite que o passado do seu namorado inclui uma experiência familiar e que antes mesmo de vocês se conhecerem, ele já tinha uma família pré-estabelecida. Quando amamos alguém, amamos e aceitamos tudo que vem com a pessoa, incluindo seu passado e os frutos de um relacionamento anterior. Além disso, devemos prezar a felicidade do companheiro e não dá para deixá-lo feliz se você permanecer implicando com os filhos dele.

2)     Tenham paciência. Esperem que o relacionamento fique sólido para só depois apresentar aos filhos. Quando ficar bem sério, e você estiver segura de que quer mesmo entrar nesse relacionamento, ai sim, é a hora de ser apresentada. Assim, vocês não estarão gerando inseguranças, falsas expectativas ou ilusões na cabecinha da criança.

3)     Entenda qual é o seu papel. Não existe pai ou mãe postiços, existe uma relação de amizade e companheirismo entre você e o filho do seu namorado. Você é a namorada e isso não te torna a mãe do filho do seu parceiro, pois os pais tem responsabilidades na educação da criança e essa não é uma responsabilidade que você deve tomar para si. Assim, cultive a amizade, a cumplicidade, o diálogo e, principalmente, a confiança e o respeito.

4)     Não fique dando palpites na educação da criança, como se você fosse a segunda mãe. Isso pode até confundir a criança, pois ela já tem uma mãe e um pai que estabelecem as regras e não precisa que uma terceira pessoa aja como uma nova mãe. SE o pai da criança QUER que você participe da educação do filho, faça isso sem preconceitos, perguntando como pode ajudar e procure sempre consultar seu companheiro antes de qualquer decisão.

5)     Mantenha SEMPRE o diálogo com seu namorado, diga a ele como você se sente com essa situação e, se algo incomodar, não tenha receio de falar sobre isso. É muito importante que seu namorado saiba o que você pensa a respeito do que vocês estão vivenciando. Seu namorado também pode estar encontrando dificuldades para dividir seu tempo e sua atenção entre a namorada e o filho. Seja compreensiva e proponha soluções em vez de ficar só reclamando.

6)     Seja madura e entenda que o filho não é a continuação da relação anterior, e sim alguém que seu namorado ama e precisa. Assim, não fique rivalizando com a mãe da criança nem faça cenas de ciúme, pelo contrário: seja cordial, respeitosa e tente manter uma amizade: o bem-estar da criança vem sempre em primeiro lugar. E SE ELA implicar, aja sempre com equilíbrio e nunca ceda às intrigas que ela possa fazer. Além disso, é fundamental que você evite falar desse relacionamento anterior na frente da criança e nunca expresse sentimentos negativos em relação à mãe dela.

7)     Evite demonstrações exageradas de carinho na frente da criança pois pode gerar um mal-estar ou fazer com que ela sinta que esteja perdendo o afeto do pai. É normal que a criança sinta ciúmes e tente atrapalhar a relação, por isso, seja MUITO PACIENTE, pois é uma fase normal desse processo e procure manter um diálogo com a criança, explicando que você é a namorada do pai, que quer ser amiga da criança e que você não irá tomar o lugar da mãe dela.

Meninas, são muuitas dicas, continua no próximo post, tá?

Continuação AQUI.

Beijos

Amanda (Amandacarvalho@patricinhaesperta.com.br)

E quando o namorado tem filhos? – PARTE I
1.7 (34.55%) 11 Votos

Compartilhar
Kalina Amaro

Sou jornalista, blogueira, louca por cosméticos e chocolate. ? Escrevo sobre um pouco de tudo que for relacionado ao universo feminino.. mas você vai ver meus posts mais na categoria beleza. Se esta dica foi útil pra você VOTE no meu post clicando na entrelinha ☝ acima, tá? Faça seu comentário abaixo. Beijos lindonas ?

Postagens recentes

Causas Da Pele Seca ✅ Principais Motivos E Como Tratar

Quais as causas da pele seca? A pele seca não é somente algo que nascemos com e ponto final. Existem…

22 horas atrás

Esfoliação Para o Rosto ✅ Como fazer, Tipos, Receitas, Infográfico

Esfoliação Para o Rosto ✅ Nossa pele é, sem dúvida, o maior reflexo de como está o nosso corpo. Se…

1 dia atrás

Sabonete Líquido Benefícios ✅ Infográfico

Sabonete líquido benefícios ✅ Sabonete é uma coisa que todo mundo usa, todos os dias, mas muita gente (a grande…

1 dia atrás

BB Cream: Qual o melhor? Benefícios, Como Usar?

BB Cream: qual o melhor? 🧐 ✅ Benefícios, como usar, dicas para ter uma pele de rica 🙋 Se produtos baratinhos…

7 dias atrás

Velashape: Como Funciona? Benefícios ✅

Eliminar o aspecto casca de laranja da celulite, quebrar e dissolver a gordura localizada e tonificar a pele, acabando de…

3 semanas atrás

Cosméticos coreanos que fazem sucesso no mundo

Cosméticos coreanos mais procurados. Uma solução que tem se destacado no mundo da beleza são os cosméticos coreanos. Em Nova…

3 semanas atrás