Quando ele falha na hora H…

Oi meninas!!

Imagine a situação: você preparou uma surpresa para o companheiro, fez um jantar magnífico, comprou o melhor vinho, tomou um banho relaxante e vestiu a lingerie mais sensual. Seu companheiro chegou do trabalho, cansado mas adorou a surpresa. Tomou um banho quente, vocês começaram a jantar, conversar, depois foram para a cama… Mas na hora H, o seu companheiro simplesmente não conseguiu nada. Nadinha de nada. Ele não conseguiu ter uma ereção.

Que situação constrangedora! E quando isso acontece, muitas mulheres se sentem humilhadas e rejeitadas, sofrendo e atribuindo à celulite, às estrias, à falta de depilação e a mais um milhão de defeitos a culpa pela falta de tesão do companheiro.

Primeiro, a falta de ereção tem inúmeros motivos e com certeza seus defeitos não entram nessa lista. Mesmo que ter uma ereção seja natural para os homens já que lidam com isso desde sempre, eles sofrem muita pressão para fazer a ‘coisa’ acontecer, é o dever deles mostrar serviço e só esse fator já gera ansiedade, o que acaba contribuindo para que nadinha aconteça. Na verdade, metade dos homens do mundo inteiro vai falhar na hora H pelo menos uma vez na vida. E as razões para isso nem sempre estão relacionadas ao desejo que seu companheiro sente por você. As causas podem ser tanto psicológicas quanto físicas.

E pode ser até mesmo uma demonstração de amor. Quando o homem está muito apaixonado, ele fica tão ansioso diante da expectativa de agradar à mulher amada e de dar prazer a ela, que acaba falhando. A ansiedade é uma grande vilã, pois libera adrenalina e esse hormônio é vaso-constritor, que impede a passagem do sangue para o pênis, deixando-o flácido. Ou seja, isso pode acontecer mesmo que o homem morra de desejos e sinta muito tesão pela companheira.

Dentre as causas emocionais, temos também, além da ansiedade, problemas no trabalho, estresse, excesso de preocupações, cansaço, depressão e baixa auto-estima. Algumas doenças também podem prejudicar o desempenho masculino, como a diabetes e problemas circulatórios, bem como o uso de alguns medicamentos, excesso de álcool, cigarros e uso de drogas. Quando o problema persistir, é bom consultar um urologista para avaliar as possíveis causas orgânicas, e se for algo emocional, a terapia é a melhor saída.

Então, mulherada, se algo assim acontecer com você, não se sinta culpada nem faça disso um motivo para fazer tempestade em copo d’agua. Imagine que é embaraçoso para você, mas é mil vezes pior para ele. Você pode se sentir decepcionada ou frustrada, mas compreenda o lado dele, converse com seu companheiro, estimule a relação, mantenha o bom-humor, demonstre que gosta dele e invista nos amassos, faça surpresinhas e massagens. Não rotule, não busque culpados e, principalmente, não force a barra.

Não se esqueçam que nós, mulheres, também perdemos o tesão, seja por atitudes do companheiro, seja por motivos emocionais. Quando o tesão vai embora ou o companheiro não ‘se anima’, o melhor a fazer é ter paciência e manter um diálogo aberto e cúmplice.

Abraços!

Amanda (Amandacarvalho@patricinhaesperta.com.br)

Quando ele falha na hora H…
ESTA DICA FOI ÚTIL? VOTE AQUI

Kalina Amaro

Sou jornalista, blogueira, louca por cosméticos e chocolate. ? Escrevo sobre um pouco de tudo que for relacionado ao universo feminino.. mas você vai ver meus posts mais na categoria beleza. Se esta dica foi útil pra você VOTE no meu post clicando na entrelinha ☝ acima, tá? Faça seu comentário abaixo. Beijos lindonas ?

4 Comments
  1. Ja aconteceu comigo a 1ª vez minha e do meu namorado tava tudo bom qndo eu falei a palavra CAMISINHA… acabou com tudo. Mas agora eu sei qual eh o problema dele e naum falo mais o nome da causadora…kkkkkkkkkkkkk

  2. Raquel, o problema é só falar o nome da dita cuja? Por que é importante usar viu! ( Vou nem falar o nome também kkkk ) Beijos!

    1. eu soh falar sim.. mas naum deixo de usar nunkinha… bjusss kkkkkkkkkk

Leave a Reply

Your email address will not be published.

error: O conteúdo está protegido por direitos autoriais.