Categories: Saúde

Aventura adaptada

3 Votos de 5

Descer corredeiras, escalar paredões, trilhar matas ou pular de paraquedas. Para estas férias, não faltam opções pelo país afora que quem gosta de contato com a natureza e de experiências de tirar o fôlego. Aos poucos, este tipo de atividade está se tornando acessível e cada vez mais comum também a um público muito especial.

Com equipamentos adequados e auxiliados por profissionais especializados, pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida desfrutam de fortes emoções, rodeadas de muito ar puro e belas paisagens.

A adrenalina é total. Fazer o percurso pela mata com toda a liberdade, aproveitando mesmo com deficiência, o que a natureza tem para oferecer, é uma situação única. Além dos monitores que descrevem o cenário, cordões e sinalizadores táteis guiam os visitantes pela mata. Placas em braile também trazem explicações sobre 32 espécies nativas catalogadas que os aventureiros encontram pelo caminho. Inclusive são adaptadas atividades para quem tem deficiência visual, vendando as pessoas para estimular a sensibilidade.

Referência em turismo acessível no Brasil, a cidade de Socorro, no interior paulista, é destino certo para os amantes da natureza. No Parque dos Sonhos, uma das atrações do município, há 14 atividades de aventuras totalmente adaptadas. Além de andar por pontes de madeira suspensas entre a copa das árvores, atividade conhecida como arborismo.

O circuito de tirolesas é garantia de experiências radicais. Assentos maiores e mais confortáveis garantem que passageiros paraplégicos e tetraplégicos cruzem, por meio de um cabo de aço, até um quilômetro de extensão em 55 segundos. Neste trajeto, feito a 140 metros de altura, os aventureiros literalmente atravessam a fronteira entre os Estados de São Paulo e Minas Gerais. Além de ser muito seguro, a sensação é de liberdade.

Além de desbravar a mata em carrinhos adaptados e fazer rapel apenas pendurados por cordas, os corajosos também se aventuram rio abaixo usando boias individuais, no boia-cross, ou botes com remos, no chamado rafting. Esta modalidade não tem contraindicação, todo mundo pode fazer.

A Aventura Especial de pessoas com deficiência ao ecoturismo, esportes de natureza, e experiências ao ar livre são muito importantes. O turismo de aventura ajuda tanto na reabilitação física como psicológica das pessoas com deficiência. Se em condições normais as atividades jã são motivos para comentários durante toda a semana, imaginem o efeito que isso causa em uma pessoa que tem deficiência e que acha que não pode fazer mais nada.

Dados do Censo de 2010 mostram que quase 24% dos brasileiros ou 45,6 milhões de pessoas têm algum tipo de deficiência. Não é adaptar por caridade. O deficiente sempre viaja com amigo ou parente, o que pode multiplicar o número de visitantes.

Apesar de existir, desde 2000, uma lei federal que estabelece normas gerais e critérios para a promoção da acessibilidade, ainda há muito a ser feito no país. Por outro lado, barreiras culturais também precisam ser vencidas. A limitação das pessoas transitarem e terem novas experiências muitas vezes parte da própria família.

O que todos concordam é que tornar cidades, atividades de lazer e esportes de aventura acessíveis a todos é condição para uma sociedade mais inclusiva. Não se trata apenas das pessoas com deficiência, mas também idosos, obesos, gestantes e acidentados. O objetivo é fazer com que todos participem.

Deixo aqui umas dicas de atividades que podem ser praticadas por cada portador de deficiência:

Atividades que podem ser praticadas normalmente, com adaptação mínima e monitores para deficientes visuais, auditivo e mental, que são o arborismo, boia-cross, canoagem, cavalgada, caminhada, escalada, passeio de charrete, rafting, quadriciclo, tirolesa, etc.

Atividades que podem ser praticadas, mas requer uso de equipamentos adaptados para deficientes paraplégicos e tetraplégicos, que são a caminhada, passeio de charrete, rafting, papel, tirolesa, fora de estrada, etc.

Atividades que não apresentam condições de serem praticadas com segurança para esse tipo de deficiência pelos paraplégicos e tetraplégicos são arborismo, cavalgada, escalada, pêndulo, tambonágua, etc.

 Viu meninas, como é fácil ser feliz?

Beijos, Rogéria.

 

 

Aventura adaptada
3 (60%) 2 Votos

Compartilhar
Kalina Amaro

Sou jornalista, blogueira, louca por cosméticos e chocolate. ? Escrevo sobre um pouco de tudo que for relacionado ao universo feminino.. mas você vai ver meus posts mais na categoria beleza. Se esta dica foi útil pra você VOTE no meu post clicando na entrelinha ☝ acima, tá? Faça seu comentário abaixo. Beijos lindonas ?

Postagens recentes

BB Cream: Qual o melhor? Benefícios, Como Usar?

BB Cream: qual o melhor? 🧐 ✅ Benefícios, como usar, dicas para ter uma pele de rica 🙋 Se produtos baratinhos…

3 dias atrás

Velashape: Como Funciona? Benefícios ✅

Eliminar o aspecto casca de laranja da celulite, quebrar e dissolver a gordura localizada e tonificar a pele, acabando de…

2 semanas atrás

Cosméticos coreanos que fazem sucesso no mundo

Cosméticos coreanos mais procurados. Uma solução que tem se destacado no mundo da beleza são os cosméticos coreanos. Em Nova…

2 semanas atrás

Como Parar de Roer Unhas? ✅

Como Parar De Roer Unhas Guia completo ✅ Ninguém sabe muito bem o motivo e nem quando exatamente começou, mas…

3 semanas atrás

Shampoo a Seco Caseiro ✅ Vídeo Passo a Passo

Shampoo a Seco Caseiro Amido de milho? Farinha de trigo?! Fermento em pó?! Talco?! Sim, nós mulheres encontramos soluções pra…

3 semanas atrás

Shampoo A Seco: Melhores, Tipos, Resenhas, Como Usar, Benefícios

Já falei por aqui algumas vezes que meu [cabelo é oleoso e fino] - e não é fácil administrar a…

3 semanas atrás