Moda GG: O Que Eu Não Entendo…

Eu não entendo como pode, em um país onde 48,5% da população (segundo dados do Ministério da Saúde) está “acima do peso”, as grandes marcas de roupa produzirem roupas somente até determinado número.

E a grande maioria das que produzem até, digamos, tamanho 48, 50, só o fazem em algumas peças.

Porque não fazem em todas as peças? Só existe no mundo gente que veste de 36 a 44 é?

Ou seja, as grandes e pequenas marcas, com raríssimas exceções, desprezam a grande maioria das mulheres.

Eu acho uma falta de respeito absoluta o fato de não se produzir roupas para todas as mulheres.

Lógico que cada tem o direito de produzir as peças que quiser, mas é, no mínimo, uma burrice comercial gigantesca abrir mão de um público consumidor que representa 48,5% da população de um país com dimensões continentais como o Brasil.

Sim, estamos falando de mais de 90 milhões de pessoas (nossa população passa dos 190 milhões) .

São mais de 90 milhões de pessoas, principalmente mulheres,  ávidas por se vestir bem.

Eu não sei de onde surgiu a “brilhante” (só que ao contrário) ideia de que as pessoas mais gordinhas não consomem…

Mulher consome (e muito!) independente do peso, e só sendo muito tapado mesmo pra não entender isso.

Mulher só não consome quando não tem o que consumir ou quando o produto que disponibilizam para consumo não desperta interesse.

E acho um absurdo a pessoa chegar em uma loja e não encontrar uma peça que sirva.

Fosse eu, jamais pisaria novamente os pés na tal loja.

E acho um absurdo maior ainda a pessoa ser obrigada a usar qualquer coisa, simplesmente porque não tem opção.

Fica o recado!

Beijos

Ju

julianalopes@patricinhaesperta.com.br

Moda GG: O Que Eu Não Entendo…
ESTA DICA FOI ÚTIL? VOTE AQUI

Kalina Amaro

Sou jornalista, blogueira, louca por cosméticos e chocolate. ? Escrevo sobre um pouco de tudo que for relacionado ao universo feminino.. mas você vai ver meus posts mais na categoria beleza. Se esta dica foi útil pra você VOTE no meu post clicando na entrelinha ☝ acima, tá? Faça seu comentário abaixo. Beijos lindonas ?

27 Comments
  1. Gizelle de Jesus disse:

    Oi Ju, sempre questionei exatamente isso, sou gordinha, tenho 1,68 e 110 kgs, nem sempre fui assim, quando ainda usava manequim 46 tinha muita dificuldade de achar algo que me servisse, isso foi durante minha adolescencia, o resultado foi depressão, e aí engordei mais ainda, passei a me tratar com uma médica para emagrcer e emagreci tanto que parecia que tava doente, hoje por conta disso, não consigo me alimentar direito, “odeio” comer comida, durante o processo de emagrecimento eu prefeira ficar sem comer e passar fome a ter que passar pela situação constrangedora de não achar roupa que me servia.
    Hoje voltei a engordar, mais sou bem resolvida com meu corpo e peso, acho menos dificuldade para encontrar roupas, o mercado está melhorando, mais ainda tem muito o que fazer, e quando entro numa loja que não tem meu tamanho ou que só tem aquelas roupas pra idosas, reclamo muito e não entro mais nela, e tem umas lojas que até discriminam as clientes gordinhas acredita?
    Nós gordinhas contamos com a ajuda de pessoas que assim como você se importam e “botam a boca no trombone” pra ver se a mentalidade das pessoas mudam, infelizmente o nosso país é pura hipocrisia.
    Adorei o texto, adoro vocês do PE, milhos de beijos,obrigada!!!
    Gizelle de Jesus

  2. Concordo com tudo o que vc disse!
    Sempre fui gordinha, e sempre sofri pra comprar roupas, e conforme fui ficando mais velha e mais fofinha a dificuldade ficava ainda maior, pois o meu maior problema sempre foi encontrar calças que sirvam e tenham um bom caimento… uso 48, e sempre que encontro uma que me sirva ou fica mto grande como se fosse calça para senhoras ou a aparência da calça não me agrada!
    Minha solução foi resolver colocar a camisa pra suar e emagrecer!

    Beijos adoro o blog!
    =*

    1. Oi Simone! Eu também acho q o ideal seria a gente emagrecer. Mas eu não acho certo as lojas tratarem a gnt como se a gnt estivesse errada em ser como somos. Tal marca n veste gordinhas, pq gordinhas sao fora de moda, sao feias. É essa a mensagem q as lojas me passam. Se eu achasse uma marca q vendesse roupas bonitas, na moda, no meu tamanho, com preço razoável, só compraria lá!

      Beeeijos!

  3. Sabe você falou de algo realmente complicado, complicado porque as roupas que encontro para plus size são na sua grande maioria feias, com cara de titia ou vovó, ou quando encontra algo é caríssimo, por este motivo resolvi montar uma coleção, acredito que em 6 meses já terei algo bem legal para apresentar…
    Parabéns pelo texto, por isso gosto deste site, não é preconceituoso!
    Parabéns a equipe!
    Abraço, Mila

    1. Concordo plenamente com você Mila, quando achamos algo que nos sirva, SEMPRE tem a aparência de roupa de tia ou de vó! Sempre aquelas camisas retas, com estampas horríveis. Quando acho algo que me agrade, o que é em difícil, acabo comprando mais de uma peça, com estampa ou cor diferente, porque sei que vou demorar pra achar novamente.

  4. Edvanai Soares disse:

    Concordo plenamente. Com tantas pessoas acima do peso é estupidez deixar tanta gente sem opções para se vestir. Sofro com isso porque depois da gravidez passei a usar 48 e não encontro roupas legais para vestir e quando encontro são bem mais caras. Ô empresas sem noção.

  5. Sou gordinha assumida, uso 48. Tenho muita dificuldade em comprar roupas que não sejam de vovózinha. A gente entra na loja e tudo o que a gente acha bonito só tem até o 44. Muitas vezes eu fui mal tratada em lojas porque questionava o fato de não ter tamanhos grandes. Isso sem falar o fato de que quem faz moda pra gordinho tem q ter mais noção sabe? rsrsrsrs Uma garota q usa calça 48 nao vai comprar uma calça jeans azul clariiiiinho e nem cheia de bordados, pq chama a atenção d+ e a gnt nao precisa disso! Ou seja fico revoltada e não volto mais na loja. O ruim é q a gnt fica super sem opção. Ultimamente só acho calças bonitas na riachuelo, mas a qualidade é ruim. A calça não dura nadinha. E as poucas marcas legais são carérrimas. Aqui em curitiba tem uma loja q teve a cara de pau de cobrar 90 reais numa camisete sem manga. É um roubo!
    Então oq eu faço? Garimpo, garimpo e garimpo. Bato muuuita perna até encontrar oq me agrade.
    Adorei o post!
    beijos!

  6. Muito bem escrito!!

    Você tocou num ponto muito importante: Cadê a visão dos empresários?? Por que perder um público tão grande??

    Nem sou tãããão gordinha assim, faço mais o estilo “mulherão” e tals: tenho 1,79 e 84k. Já cheguei a pesar 67k, mas fiquei com um aspecto tão ruim que todos comentavam se eu estava doente… ¬¬

    Mas já sofri muito, principalmente na adolescência. Queria roupas bonitas, joviais, como todas as minhas amigas e como via todo mundo usar… Cresci meio revoltada, sabe… Nunca encontrava nada, o que servia era muito caro, muito feio!!

    Por quê as empresas insistem em fazer moldes para moda GG como se vc não tivesse forma nenhuma??? As blusas ficam com a cava da manga quase no meio do braço!! As blusas e vestidos parecem um saco! Cadê cintura??

    E isso sem comentar o extremo mal-gosto das estilistas!!

    Por que as estilistas acham que toda moda GG é comprada por “senhoras”??
    Deve ser porque não existem jovens gordinhas no Brasil! (só que ao contrário)

    São calças de tecido bege, rosa-bebe, blusas horrorosas pretas, azul marinho, cinza, e os sutiãs??? Pelo amor de Deus!!! Só achamos mesmo os terríveis sutiãs de sustentação bege que parecem que saíram direto dos anos 40!! E quando vc acha alguma coisa mais ajeitadinha, o preço é absurdo!!!

    Ainda me sinto constrangida de entrar numa loja e ver que os números vão só até o 44.. que o tamanho maior é o GG.. e mesmo assim não servem porque parece que foram talhados no estilo “GG/44 modelo anoréxica”

    A vendedora te olha (principalmente se for loja “modinha”) de cima a baixo, e te entrega a mercadoria, e vc vai até o provador, tenta colocar a bendita peça, dá uns pulinhos, ajeita daqui e dali, encolhe a barriga, e vê que a blusa nem passa nos peitos e que a calça não passa nem pela coxa!!

    É uma sensação tão ruim, que não foram poucas as vezes que sai de uma loja chorando, com raiva e frustrada…

    Comprar calça jeans para mim, por exemplo, não é aquela coisa gostosa, de passear no shopping… Para mim, é uma obrigação, porque nada serve, o que serve não fica bom, fica apertado nas coxas e largo na cintura, e curto!! (porque além de ser cheinha, ainda sou bem alta!!
    Quando encontro um modelo que serve, compro logo 3 ou 4 para não precisar passar por este sacrifício tão cedo..

    EMPRESÁRIOS!! SE LIGUEM!!! EXISTE UM NICHO DE MERCADO EXTREMAMENTE INTERESSANTE, COM PODER AQUISITIVO, SÓ ESPERANDO PARA CONSUMIR!!

    NÃO NOS FAÇAM COMPRAR O QUE SERVE, O QUE TEM DISPONÍVEL. NOS FAÇAM COMPRAR O QUE QUEREMOS!!!

  7. Pois bem, um Polo de Moda aqui do ES, a Glória, já “descobriu”, ou melhor: revelou o grande potencial da moda Plus Size.
    Começou com apenas uma lojinha, agora existe diversas, especializadas ou não, cujas modelagens seguem as mesma tendências de qualquer loja…
    Claro que ainda existem aquelas de “vovó”, mas a coisa está mudando! ^^

    Meninas, vocês sabiam que existe o outro lado da moeda?
    O qual NÃO é nada melhor…
    Tenho 1,87 de altura e manequim 34. Engana-se e MUITO quem pensa que isto é vantagem!
    Encontrar roupas para minha altura/largura é tão difícil quanto…
    Sem contar o preconceito que também rola.
    Hoje em dia mulher magrela não é bonita nem no mundo da moda!
    Pior ainda no mundo “real”. “Prazer, filé de borboleta é meu nome!” rsrsrsr

    Então, a solução é se assumir, ter muito humor (e paciência) e, coNforme a Tammy disse: GARIMPAR garinpar garimpar!!!

    beijões!!!

    1. Karina,manequim 34 é isso mesmo? Você digitou certo? Ainda mais tão alta?

      1. Sim sim, Ceu.
        manequim 34 e 1,87 de altura…
        sei que parece algo até “doentil”, rs
        todavia SEMPRE fui assim…
        Tal fator já rendeu-me diversos desfiles quando eu era mais nova,
        entretanto, como já falei, hoje em dia este não é o padrão dos desfiles brasileiros…

        já perdi um contrato com a Animale por causa do manequim…
        já gastei horrores em suplementos alimentares de N marcas
        já consultei até o Dr Taki em SP! rsrsr

        Agora relaxo e aproveito.
        Cada uma é linda do seu jeito!!!

        mas os probleminhas nas lojas continuam… ^^
        beijos

        1. Oi Karina, gosto muito de ler os seus comentários, você é muito articulada; obrigada por me responder, e realmente, cada um com a sua singularidade, graças a Deus somos todos diferentes, nisto está a graça, beijos.

  8. Emanuelle Maciel disse:

    Aqui em Fortaleza, até tem lojas especializadas em números maiores, mais vocês acreditam que tudo é um absurdo de caro? Tudo bem que são muito bonitas as roupas, mais uma blusa simples, não é de marca, por R$ 200,00 (duzentos reais)!!!!! Fala sério! Nem em uma de marca é fácil dar esse valor… Até parece que as gordinhas tem um diferencial “ruim” e por isso tem que pagar mais nas roupas? Terrível!!!!

  9. Aqui está uma representante do tamanho 46 calça e 48 soutien. Cansei de reclamar com a C&A, mandando e-mail, chamando o gerente e setor, falando alto na fila, até que deu uma melhoradinha. Hoje eu encontro jeans do meu número, mas o peitão que tá difícil achar um soutien que segure a fartura, viu! Só tem aqueles beges horrorosos de vovó – que nem minha avó gostaria de usar.

  10. Olha tenho 50 anos e faz 3 meses que fiz redução de estômago,sempre sofri nas lojas…hoje as coisas mudaram muito,temos opção,há 20,30 anos atrás as coisas eram complicadíssimas para as fofas…além de roupa para velha te achavam desleixada por ser acima do peso…minha mãe é do tempo do espartilho…ter uma filha gordacha para ela sempre foi uma afronta…eu vivi boa parte da minha vida de moleton(zão)…e bata indiana…:(.
    Então hoje há sites de moda plus…existe na renner, na marisa, na c.a., existe no Brás umas confecções maravilhosas só além do 46,existem revistas de moda plus…além do que algumas fábricas de Blumenau e Brusque usam o corte de manequim alemão,tipo Burda, para mulheres grandes,muita coisa da Hering tem corte bom.
    Agora desconfiem e corram das roupas chinesas e koreanas,por que a mulheradinha de lá é tudo mini mesmo…nunca encontrei uma roupa made in china que tivesse bom caimento,nem nas magras.

    1. Christine, acho que você poderia compartilhar com suas amigas aqui, os nomes e endereços dessas confecções no Brás, porque eu nunca acho nada no Brás, que me agrade ou me sirva….td bem que não conheço muito bem o Brás, mas com o endereço fica muuuuuito mais fácil!

  11. Genteeeeeeee passei por isso hojeeee… Uso 46/48 e cheguei numa loja aqui de Sampa que é super famosa por vender roupas esporte/chique (que não são baratas a propósito) e pedi à vendedora o meu número e ela depois de me medir de cima a baixo, me disse: “Nós não trabalhamos com seu tamanho, meu amor!”. Eu queria me enfiar embaixo do balcão da loja … rsrsrs Na boa, eu sou uma gordinha (mais mulherão também) muito conformada com meu peso e não emagreço não, não mesmo, adorooo meu “corpitcho” rechonchudo e só tomaria uma atitude se tivesse algum problema de saúde, o que até agora não tenho graças a Deus…E fiquei chocada com a atitude da vendedora bem como, com o olhar que me “botou no chinelo”….

    Outra coisa que me deixa louca da vida, é eu chegar numa loja comum e não ter meu tamanho (46/48) e dizerem pra mim que sou plus size pra ir na loja “ao lado”… E chegar lá e a loja só trabalhar com 50 pra cima…. Resumindo pra comprar roupas é um infernooooooo…. Tenho que garimpar, garimpar e garimpar senão meu bem, é uma calça pra usar e olha lá… rsrsrs

    Se alguém conhece lugares aqui em Sampa em que a gente possa comprar roupas bonitas e em tamanhos como o meu, pelo amor de Deus me aviseeee….
    Porque economizo na sola do sapato…. kkkkk

    Este post veio em ótima hora…
    Adorei e CONCORDO DE CORPO (E BOTA CORPO NISSO, kkk) E ALMA…

    Arrebentou de novo no posto Ju, pra variar!!!

    1. Obrigada Re! Tô cansadaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa de não achar o que eu gosto…Cansada dessas vendedoras sem educação…Cansada dessas marcas que acham que o mundo inteiro veste 38…Cansada!

    2. Aline Azevedo disse:

      Ah tah! O q essa vendedora mal educada acha q eh? Eu nao teria vergonha nenhuma Renata! Pelo contrario, qm tem q ter vergonha eh ela de tamanho preconceito. E eu concordo com a Ju, o jeito q ela fala, ate as palavras q ela usa parece eu indignada rsrsrs. So pq somos gordinhas nao merecemos o q eh bom? Esse pessoal mal educado cansa mesmo! E muito!

  12. ana pimentel da silva disse:

    oi ju,muito bom vc meter o dedo nessa ferida,acho uma humilhaçao o que fazem com nós,fofinhas.muitas das vezes só encontramos roupas gg em lojas especializadas.Acho isso discriminaçao,qualquer dia vamos protestar,e feio.muito bom saber que temos voce como nossa defensora.
    bjs e muito sucesso!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  13. Gente,desculpa a intromiçao,mas ja dando os meu pitacos…olha toda vida tive problemas em arrumar uma roupinha mais transadinha legal msm.galera se vc ‘s que esta em SP VASCULHEM A RUA ORIENTE DO COMEÇO AO FIM TERAO UMA SURPRESA TEM MUITA ROUPA BOA SIM.e pra todos os gostos e bolsos. E no bom retiro algumas lojas nao deixa a desejar.e olhem uma coisa, se percebem,os empresarios ja descobriram a galinha dos ovos de ouro…moda plus size.tai um motivo de ser tam caro…prescisamos nos vestir e gostamos de estar bonitas, este é o perfil forte de nós gordinhas.

  14. Olá, eu estava viajando…agora que vi os comentários de voc~es sobre o Brás…então eu moro em Curitiba, minha tia é que mora em SP…e quando vou lá saimos saltitando pelo Brás afora procurando, bamburrando mesmo…experimentando tudo…

    Como gosto não se discute, tem um link com mais de 100 lojas para plus size…
    Algumas lojas são só atacado…:(

    http://www.omelhordobras.com.br/resultado_categoria108.asp?page=2&order=id&CatID=108
    Espero ter ajudado um pouquinho…
    Mas ainda acho que ir lá e olhar pegar na mão e experimentar é o melhor caminho.Com este link dá para saber onde as lojas ficam…bjo a todas.

  15. Dalva bonato disse:

    poxa que bom alguem fala a respeito deste asunto uso 46 e nao encontro nada que presta para vestir que me agrada para ir em uma festa e um suplicio beijo obrigada

Leave a Reply

Your email address will not be published.