Doenças Relacionadas à Estados Emocionais

Não existem provas quanto a isso, mas algumas correntes, como o reiki e outras terapias, entendem que as emoções influenciam muito, chegando em alguns casos a ser determinantes, no aparecimento de algumas doenças.

Eu acredito sim que muitas doenças estão relacionadas ao estado emocional e já vi isso acontecer várias vezes… Por isso hoje eu coloco tudo pra fora, inclusive meu lado tsunami.

Como são muitasssssssssss as doenças e os estados emocionais relacionados, esse é um assunto para muitos posts, portanto preciso saber se isso interessa a vocês, certo?

Aos poucos falarei de todas as doenças, então vamos começar!

Afta – é uma reação de por se sentir despreparado ou por negação da própria capacidade.

Amigdalite -Emoções  ( principalmente raiva) e sentimentos reprimidos e criatividade sufocada.

Anemia – falta de ânimo, de confiança no fluxo da vida e de  vitalidade.

Aneurisma – É comum em pessoas controladoras que não reconhecem suas limitações e fragilidade.

Angina – Amargura, decepções e sofrimentos represados  sob uma máscara de firmeza.

Apendicite – Medo extremo da vida que bloqueia o fluxo de energia

Arteriosclerose –  Ocorre quando há extrema resistência ao novo, ao fluir da vida e às mudanças .

Artrite- Perfeccionismo e excesso de crítica e autocrítica.

Asma – Sentimento contido, inferioridade que na verdade é um desejo de controle disfarçado, necessidade se amor. Sensibilidade extrema.

Bexiga – Pessoas  que seguram a dor emocional e psicológica. É um aviso para liberar as tensões. Ansiedade.

Braços – Problemas com os braços estão relacionados a emoções e situações do passado e ao peso delas no presente.

 Bronquite – Ambiente familiar tumultuado de tal forma que a pessoas não consegue  se relacionar com o ambiente e as pessoas. Quando o emocional precisa chamar atenção para alguma agressão ( física ou psicológica),  para ambientes conturbados com brigas e discurssões, a bronquite aparece.

Bulimia: Ocorre quando a pessoa  não se acha boa o bastante, não corresponde as expectativas alheias e desenvolve um profundo rancor por si mesma.

Amanhã tem mais!

Beijos

Ju

@JuLopesL / julianalopes@patricinhaesperta.com.br

Doenças Relacionadas à Estados Emocionais
ESTA DICA FOI ÚTIL? VOTE AQUI

Kalina Amaro

Sou jornalista, blogueira, louca por cosméticos e chocolate. ? Escrevo sobre um pouco de tudo que for relacionado ao universo feminino.. mas você vai ver meus posts mais na categoria beleza. Se esta dica foi útil pra você VOTE no meu post clicando na entrelinha ☝ acima, tá? Faça seu comentário abaixo. Beijos lindonas ?

5 Comments
  1. Eua credito piamente me doenças psicossomaticas. Não
    acho que 100% é derivado do nosso estado emocional
    mas penso que pelo menos 90% sim.

    ☆*¨)★.•*¨)¸.•*¨)
    (¸.•´¸.•*¨)★.¸.❤❤Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ ♥ ♥ (¯`•´¸.¸.☆¨¯`♥¸¸.¸.☆❤ •´¸.•*´¨) ¸.•*¨)★

    Bjs,

    Luciana
    http://www.bazardaslulitas.blogspot.com/

    “A beleza de uma mulher não está nas roupas que ela veste, no corpo que carrega, ou na forma que ela arruma o cabelo.
    A beleza de uma mulher deve ser vista pelos seus olhos, porque essa é a entrada para o seu coração, o lugar onde o amor mora.”

    ´¸.¸.☆¨¯`♥¸¸.¸.☆❤ •´¸.•*´¨) ¸.•*¨)★

  2. Ju,

    O tema é muito interessante e acredito que seja válido falar mais sobre ele sim.

    A medicina convencional cuida da doença e não do doente. Futuramente isso tende a se modificar, pois o ser humano deve ser analisado como um todo – corpo e alma / emoção – já que uma coisa está diretamente ligada a outra.

    Muitos são os casos onde apenas os remédios não resolvem – são as chamadas “doenças crônicas”.

    Cuidar da causa, buscar a origem do mal que estamos passando ou previnir para que algum desequilíbrio emocional não chegue a afetar o nosso físico, seria o ideal.

    Hoje nós temos muitas técnicas e terapias que ajudam nisso: yoga, acupuntura, cromoterapia, florais de bach…

    Acho que tudo o que pudermos fazer para cuidar na nossa mente e dos sentimentos, devemos fazer sim, para o nosso próprio benefício e para o daqueles que convivem conosco.

    (Desculpe pelo longo comentário… rs)

    Parabéns pelo conteúdo do Blog!

    Um abraço!

    1. Adoroooo longos comentários! kkk
      Mas é isso mesmo, vc tem razão…O individuo não pode ser analisado em partes, tem que se olhar o todo, o integral, porque curar o sintoma sem curar a causa não adianta nada…
      beijos
      Ju

  3. Nada é conclusivo neh? Não acredito que todas essas relações estão corretas, mas conheço pessoas apaticas, tristes e com o auto estima baixo que são anêmicas. Mas mesmo se não for verdade, é importante lembrar que não se deve cuidar da saúde física e esquecer o emocional.

  4. Oi Jú,

    acredito sim, que grande parte das doenças são psicossomáticas!!

    Amei o tema!!

    Bjs!!

Leave a Reply

Your email address will not be published.

error: O conteúdo está protegido por direitos autoriais.