Como Cuidar da Pele Morena e Negra?

Seguindo o post anterior…

Pele Morena

A pele morena contém mais melanina que a pele branca e, por isso, tende a ser mais resistente, mas também é mais propensa ao famoso bigode chinês, a cicatrizes e a linhas de expressão em volta dos olhos.

O uso de filtro solar também é obrigatório, claro, mas o fator de proteção não precisa ser tão alto quanto o indicado para as peles bem brancas.

A vitamina C, que é um clássico, também é bem indicada para esse tipo de pele, pois clareia, refina e ilumina, prevenindo as manchas e deixando a pele bonita e viçosa. Os ativos antioxidantes também são importantes, pois ajudam a evitar o envelhecimento precoce. O ideal, aliás, é que o filtro solar já venha com ativos antioxidantes.

É preciso mais cuidado com ácidos, com peelings, com clareadores e com lasers, que podem manchar a pele ou despigmentar (deixando partes mais claras do que o tom original) com mais facilidade.

Aqui, um bom hidratante, com ativos como o ácido hialurônico, já quebra um galho enorme, pois mantém a pele hidratada e, se usado em conjunto com a vitamina C, evita a falta de viço e deixa a pele mais bonita e  luminosa.

cuidados-com-a-pele-negra-na-hora-da-exposicao-ao-sol

 Pele Negra

A pele negra é a que possui a maior quantidade de melanina e a maior quantidade de fibras elásticas, o que garante mais firmeza, menos rugas e um envelhecimento mais lento. Contudo, esse tipo de pele é propenso ao melasma e  aos queloides, o que é um problema.

Como é uma pele mais resistente aos danos solares, existe o falso conceito de que a pele negra não precisa de filtro solar, o que é um engano, pois menos sendo menos propensa ao envelhecimento, ela continua exposta aos danos solares. Além disso, o filtro solar protege da formação de manchas, o que é essencial!

Aqui, qualquer agressão pode gerar uma mancha, justamente pela maior quantidade de melanina, então todo cuidado é pouco. Além disso, espinhas, depilação e procedimentos estéticos podem gerar hiperpigmentações que são muito mais difíceis de tratar que nas peles mais claras.

Um ponto negativo desse tipo de pele é que ela contém uma maior quantidade de glândulas sebáceas, o que significa mais oleosidade, mais acne e mais cravos.

Por isso, é importante manter esse tipo de pele sempre limpa, para evitar o acúmulo de oleosidade e o entupimento dos poros, e usar produtos isentos de óleo.

A vitamina C também é um ótimo ativo para esse tipo de pele, pois garante uniformidade e mais luminosidade sem o risco de deixar manchas mais claras que a pele, como pode acontecer, por exemplo, com o uso da hidroquinona.

É preciso redobrar o cuidado com o uso de ácidos, peelings, clareadores e  lasers, justamente por causa da maior concentração de melanina, que pode causar manchas.

Ressalvas

É claro que cada pele é única e, num país misturado como o nosso, ninguém é “uma coisa só”, por isso, o ideal é que um dermatologista indique os melhores tratamentos, que dependerão de cada pele, não só do tom, mas do tipo!

Beijos

Ju Lopes

Como Cuidar da Pele Morena e Negra?
ESTA DICA FOI ÚTIL? VOTE AQUI

Kalina Amaro

Sou jornalista, blogueira, louca por cosméticos e chocolate. ? Escrevo sobre um pouco de tudo que for relacionado ao universo feminino.. mas você vai ver meus posts mais na categoria beleza. Se esta dica foi útil pra você VOTE no meu post clicando na entrelinha ☝ acima, tá? Faça seu comentário abaixo. Beijos lindonas ?

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.