Qual o tratamento mais novo e eficaz para acabar com a estria?

Estria é um assunto delicado. Vermelhas ou brancas, nas coxas, braços, peito ou bumbum, elas sempre são sinônimo de preocupação para as mulheres. Aparecem quando a fibra da pele é rompida e não volta mais para o seu estado normal. Surgem pelo efeito sanfona, quando a pessoa emagrece ou engorda em um intervalo pequeno de tempo ou quando fica um longo período engordando e emagrecendo, sem estabelecer um equilíbrio no peso.

De acordo com a fisioterapeuta dermatofuncional e Estética Aplicada, Marcela Rodrigues, as estrias que apresentam uma cor vermelha são as mais novas, que recém apareceram na pele. “Elas ficam vermelhas por até seis meses, depois passam a serem brancas. É enquanto são vermelhas que devem ser tratadas e ainda podem sumir”, explica a especialista.

A cor vermelha das estrias quer dizer que ainda existe vascularização e nutrientes no local, por isso há chances delas serem tratadas e desaparecerem da pele. “Já as estrias brancas representam que aquela região da pele não tem mais nutriente. Assim, não tem mais solução para melhorar totalmente, desaparecendo. Existem tratamentos que conseguem melhorar até 70% do aspecto da estria branca. É importante lembrar que com o tempo que passa, sem tratar, as estrias ficam mais profundas e podem ser percebidas com o passar dos dedos”, explica a fisioterapeuta.

tratamento mais novo e eficaz para acabar com a estria?

Qual o tratamento mais novo e eficaz para acabar com a estria?

O tratamento das estrias brancas vai impedir que elas aumentem de tamanho ou de largura, além de deixá-las em um tom mais parecido com o da sua pele e também menos profunda. Por isso, se você não se cuidou e não conseguiu tratar as estrias ainda quando eram vermelhas, não perca mais tempo!

A profissional explica que um dos tratamentos mais novos e eficientes no tratamento das estrias é o chamado Galvanic-Punture Terapy, que emite uma pressão que ajuda a amenizar a inflamação da região e estimula a reprodução do tecido, amenizando a aparência das estrias. O aparelho aumenta o nível do fibroblasto da pele, responsável pelas fibras que formam o tecido. O tratamento ajuda a amenizar a flacidez da área e também deixa a região mais uniforme.

Esse tratamento age de dentro para fora e pode ser feito em qualquer mês do ano, mas só em clínicas com profissionais fisioterapeutas ou dermatologistas. Além disso, ele serve para estrias vermelhas, tendo um resultado mais rápido e melhor, e para estrias brancas. O número de aplicações vai depender da avaliação da profissional e também da quantidade de estrias que você tem. “Esse tratamento é o mais eficaz hoje em dia para este tipo de problema estético. Ele promove uma profunda regeneração tecidual, deixa a pele mais firme, com o mesmo tom. Você terá uma textura parecida com a original da sua pele”, afirma a fisioterapeuta.

Outro benefício do Galvanic-Punture Terapy é que ele consegue deixar as mais finas as estrias grossas e acabar com aquele desnível na pele quando você passa a mão. O tempo de tratamento também leva em consideração a idade, a quantidade de estrias, o tempo em que elas estão na sua pele e a espessura de cada uma delas. O mesmo vale para o intervalo entre uma sessão e outra.

Qual o tratamento mais novo e eficaz para acabar com a estria?
ESTA DICA FOI ÚTIL? VOTE AQUI

Qual creme anti-idade é melhor para você?
O que é e como funciona o peeling químico?
Tags: , , ,

Faça seu comentário aqui

RSS 2.0

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.