Dietas Restritivas: Não Caia Nessa!

A profusão de dietas que vejo surgir todos os dias é absurda. Já notaram isso? A criatividade humana é mesmo sem limites, porque de manga a lua, temos dieta de tudo! E o pior é que todas elas prometem uma perda milagrosa de peso, geralmente rápida, o que é um problema maior ainda.

Todo mundo sabe (e se não sabe, deveria!), que para emagrecer é preciso se reeducar, não tem conversa, só que na ânsia de perder peso rápido muita gente embarca nessas dietas da moda, que, não raras vezes, acabam gerando graves problemas de saúde, que podem levar a deficiências nutricionais graves, e até a morte.

Na maioria das vezes, na grande maioria, aliás, o que essas dietas fazem é gerar uma perda falsa de peso, que é bem diferente do emagrecimento. Emagrecimento é quando a pessoa reduz o peso através da redução da quantidade de gordura presente no seu organismo, enquanto que a perda de peso pode envolver perda de músculos ou o que é mais fácil, perda de água.

dieta-restritiva

O correto é que a reeducação alimentar gere uma perda de gordura, sem atingir a massa muscular, melhorando, assim, o metabolismo corporal. Contudo, nas dietas restritas tem-se exatamente o contrário, pois perde-se muita água e massa muscular e quase nada de gordura. Ou seja, é um emagrecimento falso!

No mais, essas dietas restritas, que restringem a ingestão de grupos alimentares e de nutrientes essenciais faz com que o organismo use, ao invés da gordura,  a massa muscular como fonte de energia. Há também uma redução na quantidade de minerais e vitaminas ingeridos, o que gera desequilíbrios graves no organismo, podendo ocasionar vômitos, cólicas intestinais, desmaios e problemas cardíacos, dentre muitas outras coisas.

A coisa piora quando, para acelerar a perda de peso, são utilizados remédios e diuréticos sem prescrição ou acompanhamento médico, pois isso leva a quadros de desidratação que podem ser graves. Como o nosso corpo tem uma quantidade enorme de água (mais de 60%), é claro que manter o corpo hidratado é essencial para que ele funcione adequadamente, e isso inclui o funcionamento de todos os órgãos e sistemas do organismo. Assim, reduzir o consumo de água ou investir em diuréticos pode levar a uma sobrecarga nos rins, o que, em alguns caos, pode causar inclusive convulsões.

Além disso, essa perda de peso é ilusória e causa o tal do efeito sanfona, até porque essa redução de peso muito rápida faz com que o organismo passe a produzir mais hormônios que agem na estimulação do apetite, e isso significa que você vai sentir mais fome e comer mais. Ou seja, o sacrifício vai por água abaixo e rapidinho você ganha de volta tudo o que perdeu!

No mais, ninguém consegue manter uma dieta restritiva por muito tempo, e assim que a pessoa volta a comer normalmente, volta a engordar.

Então, o melhor é investir no que realmente funciona, no que dá resultado, que é na reeducação alimentar! Claro que a perda de peso aqui é mais lenta, mas é segura e duradoura, o que beneficia todo o organismo.

Beijos

Ju Lopes

Dietas Restritivas: Não Caia Nessa!
ESTA DICA FOI ÚTIL? VOTE AQUI

Kalina Amaro

Sou jornalista, blogueira, louca por cosméticos e chocolate. ? Escrevo sobre um pouco de tudo que for relacionado ao universo feminino.. mas você vai ver meus posts mais na categoria beleza. Se esta dica foi útil pra você VOTE no meu post clicando na entrelinha ☝ acima, tá? Faça seu comentário abaixo. Beijos lindonas ?

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.

error: O conteúdo está protegido por direitos autoriais.