Você sabe se expressar bem?

Você sabe se expressar bem?

Você sabe se expressar bem
Você sabe se expressar bem

Para ser uma mulher bonita e esperta nos dias de hoje, não basta cuidar da aparência, saúde e intelecto apenas. Como assim?! O que mais é preciso cuidar?! Das finanças? Também… Mas isso é consequência. O fato é que estamos na era da globalização e, por melhor estética e conteúdo que se possa ter, você sabe se expressar bem? Quem não sabe se expressar fica no anonimato!

Uma linda vela no escuro, toda decorada, com aroma para lá de agradável, somente será vista em meio a tantas outras velas se estiver acesa, não é verdade? Pois só assim a sua beleza será vista e admirada e o seu cheiro será sentido e apreciado.

O mesmo acontece com você! Portanto, se está se identificando com a vela apagada, se é daquelas que faz o tipo ‘retraída’, pare agora e reflita você sabe se expressar bem ? Quanta coisa perdeu ou deixou de ganhar por não ter sua habilidade de comunicação interpessoal desenvolvida.

Uma mulher comunicativa tem mais chances de sucesso em todas as áreas da vida!

Profissionalmente, independente da sua área de atuação, quanto mais você souber e conseguir se relacionar bem com as pessoas mais você terá sucesso.

Quanto maior o cargo, maior a necessidade de falar em público, ministrar palestras e treinamentos, liderar pessoas, enfim, falar e falar e falar! E se você não atender esse requisito, possivelmente, irá perder as oportunidades para outros profissionais mais preparados e desenvolvidos nessa habilidade.

Portanto, não perca tempo! Analise o seu perfil e corra atrás do seu desenvolvimento. Existem várias ferramentas auto didáticas disponíveis na internet que você pode utilizar para começar a trabalhar o seu poder de expressão.

O poder da sedução pertence a habilidade de expressão…

Você sabe se expressar bem já reparou nas propagandas de roupas íntimas e tudo relacionado ao mundo do romantismo e sensualidade como a mulher aparece com uma representação ‘poderosa’? Você não vê uma indústria exibir uma modelo escultural, mas retraída para vender os seus produtos. Você vê uma modelo que pode ser magra, escultural ou gorda, porém cheia de estilo e comunicação, passando o recado que tem a dizer!

É que não é mais um corpo bonito que seduz; é a expressão corporal, junto com a mensagem convidativa que conquista!

O marketing já explora muito bem essa visão. As pessoas já estão envolvidas por essa cultura e, por isso, para quem quiser fazer parte do time das ‘poderosas’, que bem se expressam para conquistar o que (ou quem) desejam, tem que desenvolver a comunicação. Caso contrário, vai se prender aquele ditado do imortal Chacrinha que virou enredo de escola de samba: “Quem não se comunica se trumbica! E como fica? Fica na saudade fica…”

A comunicação eficaz é essencial na vida pessoal.

Em casa, para conversar e educar os filhos, para conversar com o marido, parentes e ‘aderentes’, em todas as situações de sua vida pessoal, uma boa comunicação pode lhe ajudar a ser melhor entendida e respeitada.

Você pode estar com a razão da situação, mas se não souber defender suas justificativas, provavelmente não irá convencer ninguém… Já passou por alguma situação desse tipo? Se a sua resposta é sim, não perca mais tempo! Comece agora a trabalhar sua habilidade de expressão e comunicação interpessoal.

O poder de expressão pode ser desenvolvido!

Algumas pessoas já nascem em ambientes que estimulam o gosto pela oratória, leitura, comunicação. Esse é um fator bastante positivo e determinante para construção de um perfil comunicativo.

Mas esse cenário não é berço da maioria da população brasileira, que nasce inserida em uma cultura capitalista e superficial, que induz a hábitos modulados em extremidades altas e baixas de autoestima, do tipo: Ou você sabe se expressar bem, tem atributos que lhe fazem ser aceita pela sociedade e por isso é uma pessoa desinibida ou você é ‘por fora dos padrões sociais’ e, por isso, se retrai com receio da não aceitação. Mas sempre há como mudar essa situação, basta abandonar velhas crenças e adotar novas visões de vida.

Saber se expressar é uma habilidade que pode ser treinada!

Se você já se convenceu que precisa melhorar seu poder de expressão, chegou o momento de começar a busca por ferramentas que possam lhe ajudar a alcançar esse objetivo.

Você deve fazer um autodiagnostico para identificar os motivos de suas vulnerabilidades oratórias. Algum trauma de infância, insegurança, medo, ansiedade, enfim. Para todos esses desconfortos existem táticas e técnicas de superação que podem ser treinadas.

Pesquise, converse com um profissional da área e trabalhe os seus pontos fracos para conseguir sair do ‘casulo’ e se transformar em uma pessoa com mais oportunidades de vida.

Treine-se para conquistar o mundo!

Aproveite toda ocasião possível para treinar o seu comportamento:

  • 1- Com a família, após ver um filme, faça comentários, diga o que achou;
  • 2- No trabalho, organize um café da manhã com os colegas. Leve uma mensagem de motivação para ler e interpretar. Tome a frente da coordenação do evento;
  • 3- Na igreja, dê testemunhos, leia as mensagens, peça a palavra;
  • 4- No clube, aproveite o final de ano e organize um evento beneficente, para arrecadar donativos e entregá-los depois;
  • 5- Com os amigos, combine uma confraternização e tome a frente para produzir o evento;
  • 6- Leia, ‘alimente’ o seu conhecimento, pois quanto mais conteúdo houver dentro de você mais assunto terá para expor aos outros;
  • 7- Acredite na sua beleza, no seu poder, sinta-se segura e capaz de conquistar o que quiser!
Você sabe se expressar bem?
ESTA DICA FOI ÚTIL? VOTE AQUI

Kalina Amaro

Sou jornalista, blogueira, louca por cosméticos e chocolate. ? Escrevo sobre um pouco de tudo que for relacionado ao universo feminino.. mas você vai ver meus posts mais na categoria beleza. Se esta dica foi útil pra você VOTE no meu post clicando na entrelinha ☝ acima, tá? Faça seu comentário abaixo. Beijos lindonas ?

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.

error: O conteúdo está protegido por direitos autoriais.