in

Dúvidas Sobre A Pílula Anticoncepcional – Parte 3

Ô tema que gera dúvidas, viu? Mas vamos lá, vamos esclarecer todas!

9 – Quais são os efeitos colaterais da pílula?

Toda medicação causa efeitos colaterais, então é comum que ocorram alguns sintomas como náuseas, dor de cabeça, depressão temporária, dor nos seios, sangramentos irregulares, inchaço,  alterações de humor, vômitos, mal-estar gástrico, aumento de peso, cefaléia e cloasma.

Outras reações adversas podem ocorrer, sendo que elas podem ou não estarem relacionas ao uso do anticoncepcional:

  • Diminuição da libido
  • Vaginite
  • Dismenorréia
  • Cistos Ovarianos
  • Alopecia
  • Fadiga
  • Dificuldades em utilizar lentes de contato
  •  Exantema (rash)
  • Urticária
  • Eritema nodoso
2011 11 145 - Dúvidas Sobre A Pílula Anticoncepcional - Parte 3

Nas fumantes, de qualquer faixa etária, existe uma maior probabilidade de ocorrer as reações adversas descritas abaixo:

  • Acidente vascular cerebral.
  • Infarto do miocárdio.
  • Trombose venosa profunda.

No aparecimento de qualquer desses sintomas, o médico deverá ser consultado IMEDIATAMENTE, viu???

É importante esclarecer que é normal o aparecimento de algum sintoma logo quando começamos a tomar a pílula, mas que os sintomas tendem a desaparecer. Além disso, “pode causar” é muito diferente de “vai causar”, certo?

10- A pílula possui algum benefício além da prevenção da contracepção?

  🔥HIDRATAÇÃO CASEIRA🔝🔥
    1. 🔝Hidratações caseiras
    2. 🔝Hidratação profunda caseira
    3. 🔝Óleo de coco no cabelo
    4. 🔝Hidração com azeite
    5. 🔝Cronograma Capilar Oficial

Sim, além de evitar a contracepção, a pílula oferece inúmeros benefícios para  a mulher.

A Sociedade Americana de Câncer comprovou que a pílula reduz em 50% o risco de câncer de ovário. Já o Instituto Nacional do Câncer, nos EUA, afirmou que quatro anos de uso garante a redução de 50% do risco de desenvolver câncer do endométrio.

A pílula também controla a TPM, regula o ciclo menstrual, combate a acne  e o excesso de pêlos, trata a síndrome dos ovários policísticos, combate a cólica, reduz a seborréia, reduz a incidência de miomas uterinos e câncer colorretal, além de oferecer benefícios na densidade mineral óssea e artrite reumatóide.

Outros benefícios do uso da pílula anticoncepcional:

  • Redução da doença inflamatória pélvica (DIP).
  • Redução da frequência de cistos funcionais de ovário.
  • Redução da incidência do adenocarcinoma de ovário.
  • Redução da frequência do adenocarcinoma de endométrio.
  • Redução da doença benigna da mama.
  • Redução da dismenorréia e dos ciclos hipermenorrágicos.
  • Redução da anemia
  • Redução da incidência de gravidez ectópica

Diante disso, é preciso que a gente pare de super estimar os riscos e se conscientize que a pílula faz bem sim!

E amanhã tem mais!

Beijos e bom feriado!

Ju

@JuLopesL / julianalopes@patricinhaesperta.com.br

Escrito por Kalina Amaro

Sou jornalista, blogueira, louca por cosméticos e chocolate. Escrevo sobre um pouco de tudo que for relacionado ao universo feminino.. mas você vai ver meus posts mais na categoria beleza.

Se esta dica foi útil pra você VOTE no meu post clicando na entrelinha ☝ acima. Faça seu comentário abaixo. Beijos lindonas.

Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

o que toda mulher inteligente deve saber - DICA DE LIVRO - O que toda mulher inteligente deve saber

DICA DE LIVRO – O que toda mulher inteligente deve saber

2011 11 151 - Intensa: Coleção Primavera Verão 2012 DNA Italy

Intensa: Coleção Primavera Verão 2012 DNA Italy