Categories: Cabelos

Problemas e Dúvidas Capilares: Veja Como Resolver!

 

São muitas as dúvidas capilares que nós temos, não é mesmo? E que tal um post semanal pra sanar essas dúvidas? Vamos começar!

Como Evitar Que o Cabelo Fique Verde na Piscina?

As loiras sofrem muito com esse problema, e todo mundo acha que a culpa é do pobre do cloro. Sim, o cloro  e os outros produtos usados para conservar a água da piscina são bem agressivos e danificam os fios, mas é o cloro que deixa o cabelo loiro esverdeado quando em contato com a água da piscina, e sim o Sulfeto de Cobre, um produto de coloração azul (azul + amarelo do loiro= Verde!) que gruda nas cutículas e deixa os fios verdes.

Pra evitar que isso ocorra, existem as seguintes opções: ou você prende os fios e usa uma toca pra que a água não entre em contato, ou então você usa cremes que protejam os fios dessa agressão.

Mas quais produtos posso usar antes de entrar na piscina? Pode-se usar todo e qualquer leve-in próprio para piscina, com filtro solar e que  faça uma camada protetora nos fios evitando que os ativos químicos presentes na água penetrem no interior dos fios.

Vitrine de Produtos:

Elséve Solar Leave-in Creme ou Spray – Protege os cabelos dos raios UV, anti-sal, anti-cloro e anti ressecamento.

Natura Proteção Verão Creme Protetor: Proporciona proteção, hidratação e maciez a cabelos expostos ao sol 

Leave-in Protection Sun da Vult. Preço médio: R$ 12,00

O Cabelo Ficou Verde! E Agora?

Dá sim um desespero enorme, mas fiquem calmas que pra quase tudo existe solução! Existem inúmeras receitas pra tirar o esverdeado dos fios, sabiam? Pois vamos conhecer agora!

Primeiro, lave com xampu antirresíduos, deixando a espuma agir por cinco minutos. Hidrate em seguida. Depois escolha uma das receitas abaixo:

1- Dissolva aspirina no leite morno (é dica de creuza, mas funciona!), deixe nos fios por cinco minutos e enxágue.

2- Aplique leite (não pode ser em pó!) nos fios, preferencialmente integral, deixe agir por 15 minutos e enxágue.

3- Dilua 1 colher de vinagre em meia xícara de água e aplique nos fios, deixando agir por cinco minutos e enxaguando em seguida.

Dicas Extras

Sempre que sair da piscina, corra para o chuveiro e  lave seus cabelos com água corrente. Em seguida, capriche no leave-in com protetor solar!

Quanto mais hidratado o cabelo estiver, menores as chances disso acontecer, pois com as cutículas fechadas é difícil que o sulfeto de cobre penetre efetivamente nos fios. Por isso, isso é mais comum em cabelos porosos e danificados!

Dormir de Cabelo Molhado Apodrece os Fios?

Já escutei essa pergunta dezenas de vezes, e muita gente diz que dormir  de cabelos molhados causa não só o apodrecimento, mas também a quebra e a queda dos fios. Será que isso é verdade? Sei que muitas de vocês fazem isso, então vamos descobrir se isso é verdade ou mito.

O que dizem: que apodrece a raiz, que dá fungos e os cabelos começam a cair.

O que é mito: a raiz do cabelo está protegida pelo couro cabeludo que não absorve a água, e, sendo assim, não tem como apodrecer.

E o que é verdade? A verdade é que, apesar de não apodrecer a raiz, dormir com os fios molhados prejudica o cabelo e causa outros problemas, como a quebra dos fios.

O que acontece, é que os cabelos molhados ficam mais frágeis, claro, e o atrito de um cabelo mais frágil com o travesseiro (ou qualquer outra coisa), pode levar a quebra dos fios. Além disso, o cabelo demora mais pra secar, o que aumenta ainda mais esse risco.

Já em relação aos fungos, o fato é que dormir de cabelos molhado pode sim ajudar na proliferação dos mesmos por uma razão muito simples: fungos se proliferam em ambientes quentes e úmidos, e manter o cabelo úmido por  oito horas, por exemplo, é armar o palco pra que eles deem show, simples assim! E isso leva ao  aumento da oleosidade, a  formação de caspa e acabar contribuindo para a queda dos fios.

Querem mais um motivo pra não dormir de cabelo molhado? Ele vai parecer horrível no dia seguinte, pois o frizz será gritante, eles ficarão marcados e, com frequência, mais volumosos.

Resumindo? Seca o cabelo antes de dormir menina!

Pontinhos Brancos nos Fios

Eu nunca tinha ouvido falar nisso antes, e fui pesquisar para saber o que era. Detalhe, não é caspa, são pontinhos esbranquiçados no meio dos fios que tendem a surgir por dois motivos básicos:

1- Excesso de química

Após o uso de  químicas capilares muito fortes, como alisamentos e descolorações, por exemplo, o cabelo enfraquece, chegando ao ponto de partir, só que não partem, e é daí que surgem as tais bolinhas brancas exatamente no local onde o cabelo se partiria, onde o fio está mais enfraquecido.

2- Micose

A aparência é exatamente igual, pois os fios ficam fracos e com bolinhas brancas, mas a causa é outra e chama-se tinea ou “tinea capitis“, que é um tipo de  infecção da pele e dos pelos  causada por certos tipos de dermatófitos”.

Trata-se de uma  micose superficial que é muito comum  em regiões tropicais e subtropicais, sendo considerado (esse tipo de micose), inclusive,  um problema de saúde pública em alguns países.

O que acontece é que essas bolinhas brancas acabam gerando muitos problemas para os fios, que de partem onde o fungo se instala, o que deixa o cabelo mais fraco e menos bonito.

Aqui vale voltar para o que foi tratado acima, sobre dormir com os fios molhados, pois existem estudos, e não são poucos, que relatam que  uma das causas desse fungo é o ato de dormir de cabelos molhados ou ensopados de creme de pentear, já que esse é o palco para que fungos e bactérias se proliferem livremente.

É bom evitar, também, passar as mãos sujas nos cabelos, pois isso colabora para o aparecimento do fungo, já que levamos sujeiras das mãos para os fios ao longo dia.

Os tratamentos, no caso da micose,  são feitos com shampoos à  base de piriotinato de zinco ou cetoconazol, e em alguns casos é preciso cortar a parte infectada.

Então, caso encontrem essas bolinhas nos fios, procurem logo um dermatologista pra saber qual é a causa, pois só é possível tratar corretamente quando se identifica o que está causando o problema.

Pente é Tudo Igual?

Parece besteira, mas o fato é que um simples pente faz toda a diferença no momento de cuidar dos fios, sabia?

Existe um tipo de pente específico para cada cabelo, e é sobre isso que falaremos agora!

1- Cabelos Finos e Lisos: geralmente é um cabelo com frizz e muito elétrico, do tipo que arrepia fácil. Nesse caso, o melhor pente é o de madeira, com dentes mais largos, que penteiam facilmente, mas sem arrebentar , e ainda ajudam a reduzir o frizz.

 2- Cabelo Afro: o melhor pente, nesse caso,  é o pente jacaré, pois esses cabelos quebram facilmente e esse tipo de pente evita isso. Mas, se o intuito for proporcionar  volume, o melhor pente é o tipo garfo, pois ele dá forma e solta  melhor o cabelo muito crespo, além de ajudar a desembaraçar os cabelos afros, que são mais  sensíveis.

 3- Ondulados: nesse caso o ideal é o pente de dentes largos e de madeira. E penteie apenas após a lavagem, senão desmancha o ondulado e deixa o cabelo desalinhado e volumoso.

4- Cabelos grossos e com volume: o ideal são pentes de plástico com dentes abertos, pois facilitam o ato de pentear e não quebram os fios.

Tipos de pentes a função de cada um deles:

1- Pente garfo: indicado para armar e soltar cabelos afros.

2-Pentes com pontas arredondadas: indicados para quem tem o couro cabeludo mais sensível, pois eles não machucam e nem causam incômodo.

3-Pente fino e de cabo longo: é um pente ótimo para fazer colorações, pois penteia mechas mais fininhas. Melhor evitar em cabelos secos.

4-Pente de madeira:  é o pente ideal para cabelos com frizz, pois neutraliza a estática dos fios.

5-Pente jacaré: pente que dá  acabamento aos cabelos com “escova”, deixando-os mais naturais.

6-Pente de plástico com dentes bem largos: pente que desembaraça sem quebrar ou agredir  os cabelos mais grossos.

Hoje em dia já existem os chamados pentes ionizados, que aguentam o calor do secador e acabam com aquele arrepiado chato que teima em aparecer depois que fazemos escova, chapinha ou quando a umidade toma conta.

Shampoo Sem Sal: Verdade ou Mito?

Muito se fala de shampoo sem sal, mas ele é mesmo  melhor e menos agressivo dos que os que contém sal?

O sal é usado em concentrações muito baixas nos shampoos, apenas para dar consistência ao produto e pode ser identificado no rótulo como cloreto de sódio ou outros nomes.

Um dos principais ingredientes dos shampoos é o lauril sulfato de sódio ou o lauril éter sulfato de sódio. Na produção de qualquer um deles acontece uma reação química que resulta em cloreto de sódio (o sal).

Então, não existe, comercialmente falando, um  shampoo 100% sem sal, pois esse é o ativo (existem outros, mas são muito mais caros) que deixa o shampoo consistente. A substância é um agente importante para o feitio dos shampoos, pois é  emulsificante, detergente, solubilizante e responsável pela espuma.

O sal nada mais é que um espessante,e,  afinal, ninguém gosta de shampoo aguado e ralo, não é mesmo? Além disso, trata-se de um ativo  solúvel em água e que não se liga na estrutura dos fios.

Portanto, o  sal, definitivamente, não é o vilão do drama capilar! Ele não é o bicho papão dos cabelos danificados e nem dos cabelos saudáveis. Ou seja, shampoo sem sal é mito e não faz tanta diferença!

Vale dizer que a substituição do sal, um espessante, por outros espessantes pode ser vantajosa, uma vez que essas outras substâncias podem possuir propriedades  que ajudem no condicionamento dos cabelos, dentre outras coisas, mas, sendo mais caras, os preços dos produtos subiriam e muita gente iria reclamar.

O cabelo cai mais no outono?

Já repararam que em algumas épocas do ano o cabelo parece cair mais? Isso acontece muito no outono, tanto que já existe o mito (ou não!) de que o cabelo cai com mais frequência nessa estação do ano.

Isso é, em grande parte, mito. Todo cabelo tem seu próprio ciclo de vida, independente da estação do ano, que varia de pessoa para pessoa. Eles vão nascer, crescer e, depois de um tempo, cair.

Por coincidência,  o meu também parece cair mais no início do outono, mas tenho certeza que isso é resquício do verão, que sempre detona os fios, sobretudo quando estamos na praia, quando vamos muito na piscina ou quando nos expomos mais ao sol.

Contudo,  se perceber que a queda dos fios está acima do normal (100 fios por dia), é preciso procurar um médico, pois são muitas as causas para a queda de cabelo, como o estresse, problemas hormonais, problemas imunológicos, problemas na tireoide, anemia, infecções, uso de determinados medicamentos ou mesmo tendências genéticas.

Muitas vezes o cabelo cai mais por causa do excesso de oleosidade na raiz ou mesmo por deficiências nutricionais, que são cada vez mais comuns, já que a nossa alimentação não é, nem de longe, o ideal. Comemos muito, mas comemos mal, e a nossa ingestão calórica é, basicamente, de calorias vazias.

É por isso, aliás, que o pill food é tão eficaz para tantas pessoas, porque quase todo mundo tem deficiência de nutrientes! O pill food é eficaz tanto para parar a queda quanto para estimular o crescimento dos fios, mas ele só é eficiente quando existe o quadro de deficiências nutricionais.

É importante fazer uma avaliação pra ver como anda o organismo e pedir a orientação de um médico de confiança antes de começar a tomar o pill food, tá?

Espero ter sanado algumas dúvidas, mas como são muitas, o ideal seria que vocês deixassem aqui nos comentários o que vocês querem saber, quais são as principais dúvidas e quais pontos vocês querem ver esclarecidos!

Beijos

Ju Lopes

Problemas e Dúvidas Capilares: Veja Como Resolver!
ESTA DICA FOI ÚTIL? VOTE AQUI

Compartilhar
Kalina Amaro

Sou jornalista, blogueira, louca por cosméticos e chocolate. 👯 Escrevo sobre um pouco de tudo que for relacionado ao universo feminino.. mas você vai ver meus posts mais na categoria beleza. Se esta dica foi útil pra você VOTE no meu post clicando na entrelinha ☝ acima, tá? Faça seu comentário abaixo. Beijos lindonas 😘

Disqus Comments Loading...

Postagens recentes

Wella Color Perfect como usar e benefícios

Wella color perfect como usar, benefícios Quem nunca testou a Color Perfect meninas? Quer saber os benefícios da Wella Color…

3 dias atrás

Cabelo Com Efeito Molhado: Como Fazer? Quais Produtos Usar?

Cabelo Com Efeito Molhado Virou tendência, e todo mundo quer saber como deixar o cabelo com o aspecto molhado. O…

4 dias atrás

Coloristas de Cabelos Coloridos: Perfis Para Seguir No Instagram

Coloristas de Cabelos Coloridos O Instagram é uma ótima maneira de se atualizar e encontrar fashionistas do mundo todo e…

5 dias atrás

Cabelo Cacheado Loiro: Cabelos Para Se Inspirar e Copiar

Cabelo cacheado loiro Com a moda dos cacheados e a transição capilar para cabelos cacheados em 2017 - a juba…

5 dias atrás

Wella Fusion Máscara para que serve?

Wella Fusion Máscara Já conhecem a Wella Fusion máscara? Essa nova linha da Wella Professionals é específica para cabelos danificados…

7 dias atrás

Óleo de Rosa Mosqueta Na Pele 10 Benefícios [Infográfico]

A rosa que chamou atenção da indústria promete mandar embora muito do que incomoda as mulheres: manchas na pele, rugas,…

7 dias atrás