Já ouviu falar na dieta Paleotlítica?

Ela existe faz mais 15 mil anos, quando os primeiros habitantes da Terra comiam apenas alimentos crus, muita proteína magra e sem nenhum alimento fabricado e nem cheio de conservantes, sódio e outros ingredientes que prejudicam a saúde e a beleza do corpo. A dieta paleolítica, ou seja, essa alimentação restrita de massas, frituras, alimentos cozidos e refrigerantes está na moda e deve ser uma aposta para mulheres que gostam de se alimentar bem, ficar com o corpo em forma e com o organismo a todo vapor. É uma mudança e tanto, com certeza, mas deixa o corpo sem nenhuma toxina, com mais diposição e promove a renovação celular, aumentando a beleza e firmeza da pele, o brilho dos cabelos e o funcionamento do corpo inteiro.

A dieta paleolítica é uma forma natural de levar a alimentação e, sem dúvida, uma boa forma de aumentar e acelerar a perda de peso. O consumo de carne, vermlha principalmente, é muito maior que uma dieta normal. Esse alimento aparece em quase todas as refeições, assim como verduras e vegetais crus, sem nenhum cozimento. Já os carboidrotos são bastante restritos. Bem no estilo homem das cavernas mesmo! A carne aparece mais porque naquela época era o alimento mais fácil de caçar. Por isso, ela pode ser vermleha ou branca, derivada de vaca, peixes ou frango. Deve ser grelhada ou assada, sem sal. Ajudam na renovação muscular e também dão bastante saciedade, ajudando na dieta. Mas é bom não exagerar, ok? De acordo com a Organização Mundial da Saúde, o consumo de carne deve ser de apenas 30% da alimentação do dia a dia.

O restante? Bom, de acordo com a dieta paleolítica a dica é consumir alimentos crus, como cenoura, beterraba, folhas verdes, aipim, batata doce em pequena quantidade e também muitas fribras, como sementes e frutas da época. Ainda falando em carne, os peixes sempre são as melhores opções, já que possuem a gordura boa, chamada de ômega 3. Essa gordura ajuda a queimar a gosdura ruim e melhorar o funcionamento do intestino. Além de diminuir as chances de câncer e outras doenças cardiovasculares como ataque cardíaco ou AVC.

Já ouviu falar na dieta Paleotlítica?
Já ouviu falar na dieta Paleotlítica?

As massas estão na lista proibida desta dieta. Tudo que é derivado do trigo, milho e também do arroz, devem ser evitados para que o corpo consiga perder peso. Naquela época dos homens das cavernas a melhor opção de carboidrato eram as batatas doce. Aqui deve seguir o mesmo caminho. As fontes de carboidratos comuns, como pães e massas, pricipalmente as brancas, devem ficar longe da sua alimentação, pelo menos por uma semana.

Abusar dos vegetais e frutas é permitido. Pode ser mais de quatro vezes por dia. Ou seja: frutas e verduras devem aparecer não só nas refeições principais, como almoço e jantar, mas também nos lanches durante a tarde. Nesta dieta, é permitido comer mais de um lanche por tarde. Ou seja: mais de uma porção de fruta. É fruta, ok? Nada de bolachas e doces e nem queijo branco, como nas dietas normais. Quando se fala em fruta, o bom é evitar açaí, banana e manga, que são as mais calóricas.

Já ouviu falar na dieta Paleotlítica?
ESTA DICA FOI ÚTIL? VOTE AQUI

Kika @blogdakika

Kika - Sou blogueira há 10 anos, dedico a vida a produção de conteúdos sobre beleza e cabelos. Amo, amo, o que faço, por isso... com muito amor <3 compartilho dicas no PatricinhaEsperta e CabelosLoiros. Insta: @blogdakika E-mail: kika@patricinhaesperta.com.br Lindona, se gostou, clica na estrelinha acima e vote ;-) Compartilhe com suas amigas. Beijos no coração.

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.

error: O conteúdo está protegido por direitos autoriais.