Aprendendo a Usar Batom

O título parece fora de contexto, já que esse é um blog de beleza, mas a verdade é que eu, ao contrário da imensa maioria das mulheres, sempre detestei batom.

Detesto a sensação daquele troço melequento na minha boca e tenho um problema sério com “cor de batom“, porque, como sou amarela, um típico fantasminha com icterícia, acho que as cores se chocam e o resultado não fica bom.

Por isso, passei a vida toda (e lá se vão 30 anos!), usando balms e batom cor de boca, que, além de não brigarem com o tom da minha pele, dão um ar mais natural, lógico, e me permitem carregar bastante nos olhos, coisa que adoro.

Mas, de um tempo para cá, comecei a gostar da ideia de “brincar” com batom, e foi meio por acaso, pois viajei com minha mãe e esqueci meu balm, e como a cidade em que estávamos era mais fria, meus lábios começaram a ficar ressecados, e pão dura que sou, não quis comprar um balm, tendo tantos, só para usar ali. Aí peguei o batom de minha mãe, que é fã dos vinhos, vermelhos e rosas.

batom vinho, batom magenta, batom vermelho, batom Nude

Juro que assim que passei me senti horrorosa, mas a cor do batom, um magenta meio vinho, combinava com um detalhe da minha blusa e ficou todo mundo elogiando. Não sei se pelo susto de me verem de batom ou porque ficou legal mesmo. Acabei gostando do resultado e querendo testar outras cores.

Comprei alguns, bem baratinhos, porque né, ainda estava testando, e fui testando para ver o que funcionava, o que não funcionava e no fim me “afeiçoei” a alguns, e detestei outros.

Detestei os cintilantes. Odiei os metalizados. Gostei dos cremosos de cores claras e dos mates de qualquer cor. Concluindo, brilho demais no batom me incomoda, acho esquisito, e os cremosos escuros meio que “escorrem”, não gosto. Os mates, então, ganharam meu coração.

Vou mostrar alguns que tenho usado, ta?

1- Ultra Color Rich Fatale – Avon

Já fiz post sobre ele AQUI e foi o tal do batom da “descoberta”. A parte ruim é que derrete, como acontece com quase todos os batons aqui em Jee.

2- Batom Suave Atração – Avon

Tá aí um batom que eu gostei! Sabe quando o batom dá um leve tom aos lábios, mas de forma suave, sem brigar com a cor da pele? É esse! Ele tem um fundo rosadinho e combina demais comigo, porque é discreto. Além disso, é super barato e cremosinho. Aprovado!

3- 35 Keep It Red – Maybelline

Amei esse batom! Achei a cor “forte” demais, mas o fato de ser matte e de durar MUITO me fez apaixonar. Ele custou mais caro que os outros (umas 35 realidades), e claro que só comprei porque estava atacada por algum motivo, já que pagar 35 Dilmas em um tipo de  produto que não sou fã e que, pior, não conhecia, o que aumentava a probabilidade de dar errado, só mesmo por ataque de TPM ou algo similar. Mas gostei muito e super quero as outras cores!

4- Batom Vermelho Matte – Avon

Adorei esse tom, mas preciso dizer que o meu batom é cremoso, que de matte ele passa longe e que a dona Avon precisa ver isso, né? Porque matte é uma coisa, cremoso é outra, e não se pode vender A por B.

Alguém indica um nude lindo, um magenta escândalo e um vermelho bapho?

Beijos

Ju Lopes

Aprendendo a Usar Batom
ESTA DICA FOI ÚTIL? VOTE AQUI

Kalina Amaro

Sou jornalista, blogueira, louca por cosméticos e chocolate. ? Escrevo sobre um pouco de tudo que for relacionado ao universo feminino.. mas você vai ver meus posts mais na categoria beleza. Se esta dica foi útil pra você VOTE no meu post clicando na entrelinha ☝ acima, tá? Faça seu comentário abaixo. Beijos lindonas ?

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.

error: O conteúdo está protegido por direitos autoriais.