Todo Mundo Erra!

Partindo do pressuposto básico e lógico de que somos todos humanos e, portanto, estamos aprendendo dia após dia, é certo que TODOS nós, sem exceções, erramos muitas e muitas vezes. Erros grandes, erros graves, erros pequenos, mas erros, e sinto informar, enquanto vida você tiver isso continuará a acontecer.

O problema é que o erro alheio parece sempre maior que o nosso, claro, e o que muita gente faz é, por uma (ou muitas) atitude errada definir uma pessoa como boa ou ruim. Mas será que essa mesma pessoa olha no espelho da consciência e reconhece seus próprios erros? Claro que os nossos erros são sempre menores e o dos outros são sempre maiores, claro… Nós somos sempre vítimas, não temos a intenção, mas os outros  são sempre maus, frios, calculistas e agem sempre com a intenção de nos causar dor. Nós somos bons, e o outro é sempre mau. E, olha que engraçado, para o outro, ele é que é bom e nós é que somos maus!

O que acontece, na verdade, é que  os caminhos da vida são sempre tortuosos. Eles não são retos e não oferecem apenas duas opções, duas vias. Os caminhos da vida  são compostos por inúmeras vielas, onde as opções são bem mais amplas do que o certo e o errado.

388654_319541181418929_284777058228675_975718_339814813_n

Cometemos erros todos os dias, e isso é natural e inevitável, porque, afinal, quem não erra não aprende, é impossível. É só tentando, e na tentativa está implícita a possibilidade do erro, que a gente pode acertar, mas é tentando também que a gente pode e vai errar.

Erra-se por muitos motivos… Erra-se por desconhecimento, erra-se por insegurança, erra-se por medo, erra-se por imprudência e, sim, erra-se por maldade, porque, afinal, ninguém é somente bom, ninguém é somente luz. Somos luz e sombra, bons e maus, certos e errados.

Os motivos pelos quais as pessoas cometem esse ou aquele erro só podem ser compreendidos por ela, porque só ela pode saber o que a levou a cometê-los, e não cabe a nós julgarmos, mas nós sempre julgamos, claro. E julgamos com toda severidade do mundo, e, esquecendo de analisar o  “atire a primeira pedra aquele que nunca errou”, apedrejamos as pessoas de diversas formas, porque, afinal, nossos erros são falhas, mas o dos outros, ah, são monstruosidades.

Dizem alguns que apontamos os erros dos outros para esconder os nossos, e isso é fato, porque, afinal, chamar a atenção para os erros alheios desvia a atenção dos nossos.

O conceito de certo e errado é muito diferente de pessoa pra pessoa, de cultura pra cultura, de época pra época, e muitas vezes é através do erro, é através do “bater em portas erradas”, que aprendemos o que é certo.  Sim, é assim que as coisas são, é errando que se aprende.

E se a pessoa aprende, é isso o que importa. O que não pode é continuar cometendo os mesmos erros novamente, porque isso é estupidez, mas é importante saber que esse aprendizado é constante, que erramos e acertamos todos os dias, e que assim será eternamente, não tem jeito.

Beijos

Ju Lopes

Todo Mundo Erra!
ESTA DICA FOI ÚTIL? VOTE AQUI

Kalina Amaro

Sou jornalista, blogueira, louca por cosméticos e chocolate. ? Escrevo sobre um pouco de tudo que for relacionado ao universo feminino.. mas você vai ver meus posts mais na categoria beleza. Se esta dica foi útil pra você VOTE no meu post clicando na entrelinha ☝ acima, tá? Faça seu comentário abaixo. Beijos lindonas ?

1 Comment
  1. jú…………
    Otemo post, é bem por aí, lá nofundo entendio seu recado sim.
    A palavra em questao é EMPATIA (EMPADINHA???????RSRS)
    EMPATIA= é a capacidade de se colocar no lugar do outro.Nós
    esquecemos sempre disso.
    Ooutro é um reflexo um espelho de nós mesmos, quem sempre culpa o outro, realmente não consegue ver a sua sombra( parte negra das
    nossas vidas.
    Ah, que saber de um negócio nunca errou quem nunca tentou nada:
    tem gente ke vai morrer e nunca descoloriu o k-belo por medo,
    não ousa por medo dos ke os outros vão falar…,não dá na primeira vez senão ele pode pensar ke é uma piranha( talvez não
    exista segunda oportunidade rsrs…foi….
    navegar é preciso
    viver não é preciso( não dá pra prever se vi ser erro ou acerto)
    só entrando na barca.
    viver é um constante enxugar de gelo entre erros e acertos.
    errar sempre: aí tem algo de errado com vc mesmo
    acertar sempre:impossível tb
    finish.
    HERRAR É UMANO.
    SE AVEXE NAO BAIANA
    AMANHÃ PODE ACONTECER TUDO.
    SE AVEXE NÃO BAIANA LOURA
    a LAGARTA RSTEJA ATÉ O DIA EM QUE CRIA ASAS.
    BEZOS MIL…VC É UM AMOR.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

error: O conteúdo está protegido por direitos autoriais.