A verdade sobre o cálcio

Meninas e mulheres que um dia chegarão em uma “certa idade” e provavelmente terão que dar mais atenção à sua saúde. Vamos falar um pouco sobre o cálcio!  Alguns médicos recomendam a sua utilização. Pois a perda óssea é o processo natural do envelhecimento. Quando passamos dos 30 anos o desenvolvimento ósseo atinge seu ápice. Nesta idade os ossos de uma pessoa normal são densos e resistentes. À partir dos 45 anos as células de corrosão óssea são mais ativas do que as de reconstrução, gerando uma perda de massa óssea que pode chegar a 5% em média a cada ano.

Desde a infância é muito importante a ingestão de alimentos ricos em cálcio. E com os passar dos anos esta necessidade aumenta e a nossa alimentação precisa ser cada vez mais rica. Ele é o mineral mais comum e é encontrado principalmente nos ossos, dentes e também em pouca quantidade no sangue e tecidos moles. Nossos ossos são feitos de cálcio e fosfato, portanto cuidem bem deles!

Um conselho! Consulte um médico ou nutricionista para verificar quanto você ingere de cálcio e vitamina D por dia. Caso seja concluído que você precisa melhorar a ingestão dele, o profissional vai orientar e sugerir mudanças na sua vida. Se você já consultou um médico ou um nutricionista e já sabe que a sua alimentação é deficiente em cálcio e vitamina D, com certeza este profissional já orientou você para que melhore a sua alimentação ou até mesmo sugeriu uma suplementação para suprir a falta destes componentes. A carência do cálcio no organismo leva ao raquitismo (deformação dos ossos dos membros inferiores) durante a fase de desenvolvimento e a osteomalácia na fase adulta.

Eu sugiro que sigam esses conselhos e procure repor até 90% da sua necessidade diária de cálcio, auxiliando seu organismo na ingestão correta das suas necessidades diárias de cálcio e vitamina D. Os alimentos com maior quantidade de cálcio são os derivados do leite, como queijo, o próprio leite e iogurtes, peixes como salmão e sardinha, feijão, grãos integrais, vegetais verde escuros, amêndoas, beterraba, batata doce, cebola, laranja, milho, etc.

O cálcio ajuda a reduzir a acidez do organismo, por isso é importante evitar alguns tipos de alimentos como o refrigerante, vinagre e frutas cítricas. Além disso ele atua juntamente com a vitamina K, no sistema circulatório e auxilia na coagulação do sangue.

Portanto meninas, será que todas estão consumindo a quantidade certa? A recomendação diária para adultos é de 1.000 mg. Para se ter uma idéia, veja a quantidade representativa do cálcio em agluns alimentos: Leite desnatado (copo grande) = 297,6 mg; queijo minas fresco (uma fatia média) = 205,5 mg; iogurte (200 ml) = 240mg; espinafre cozido (4 colheres de sopa) = 160,5 mg;  couve refogada (2 colheres de sopa) = 164 mg.

Portanto não podemos deixar de comer esses alimentos tão ricos em cálcio!

Beijos meninas e por favor, vamos chegar na 3ª idade cheias de saúde!

rogeriasampaio@gmail.com

A verdade sobre o cálcio
ESTA DICA FOI ÚTIL? VOTE AQUI

Kalina Amaro

Sou jornalista, blogueira, louca por cosméticos e chocolate. ? Escrevo sobre um pouco de tudo que for relacionado ao universo feminino.. mas você vai ver meus posts mais na categoria beleza. Se esta dica foi útil pra você VOTE no meu post clicando na entrelinha ☝ acima, tá? Faça seu comentário abaixo. Beijos lindonas ?

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.

error: O conteúdo está protegido por direitos autoriais.