Caspas da progressiva – como tratar no verão?

Por que acontece as caspas da progressiva?

Caspas da progressiva

Caspas da progressiva – como tratar no verão?

Apesar da substituição do formol nas fórmulas ter diminuído o enfraquecimento dos cabelos e a queda, outros inconvenientes como caspas da progressiva, a descamação do couro cabeludo ou a oleosidade em excesso da raiz continuaram sendo um inconveniente.

Com a aplicação da escova progressiva, pode ocorrer a queda do produto no couro cabeludo, que aliada ao aquecimento usado na escova progressiva, faz com que esse produto crie uma espécie de capa no couro cabeludo, ou como chamam de  caspas da progressivaque cobre e entope os folículos capilares causando uma reação natural: cascas que irão surgir como uma resposta a esta lesão que foi feita pois seu couro cabeludo precisa respirar. Isso é a descamação do couro cabeludo, não caspas como muitos acham.

Pode ocorre também o ressecamento do couro cabeludo quando do contato direto do produto, sendo assim a região fica extremamente ressecada e começa a produzir óleo em excesso, o que torna o ambiente ideal para aparecimento de fungos e bactérias, podendo ocorrer coceira e feridas no couro cabeludo.

Todo mundo que faz progressiva fica com caspas?

Não, muitas pessoas fazem a progressiva e não tem caspa ou descamação. Tal fato se deve pelo modo de aplicação, se houve ou não contato com couro cabeludo, além da proteção natural e a resposta do organismo de cada um.

E lembre-se que na grande maioria das vezes, não é caspa e sim descamação por conta do contato do couro cabeludo com o produto, logo deve-se proceder de maneira diferente no tratamento. Tratamentos anti-caspas não irão resolver o problema da descamação.

Como tirar as escamações das caspas do couro cabeludo nos dias quentes?

Dica para tratamento: hidratar o couro cabeludo até ele parar de descamar, não controlar a oleosidade.

Uma boa dica é usar a glicerina líquida bidestilada.

  • 1- Coloque-a num pote com água meio-a-meio, com o cabelo seco, divida-o ao meio e aplique no couro cabeludo com a ajuda de um algodão embebido na mistura;
  • 2- Após o couro cabeludo estar todo úmido com a mistura, massageie bem durante 5 minutos, deixe mais 15 minutos, depois lave com shampoo e condicionador, de preferência, especial para cabelos pós-progressiva.

A glicerina líquida, além de facilitar a retirada das peles mortas pela descamação, ainda dá uma boa hidratada, evitando que o couro cabeludo volte a descamar. Use um pente fino para remover a descamação, que são as peles brancas que ficarão nos fios após a lavagem, depois seque com secador que a acabará de retirar as peles que restaram.

Como lavar o cabelo com caspas da progressiva na época do verão?

Caspas da progressiva

Caspas da progressiva – como tratar no verão?

No verão, o que é sempre recomendado é o uso de água fria, que evita aumentar a oleosidade e hidrata os cabelos danificados pelo verão, devido ao sol, vento e agressões da praia, piscina e etc.

Lavar bem os cabelos todos os dias. Apesar de diminuir a eliminação da química, para o verão é o mais recomendado.

Como os cabelos alisados ficam mais oleosos que o normal, o ideal é intercalar o tipo de shampoo a cada lavagem.

Por exemplo, num dia você usa um shampoo sem sal, que irá limpar suavemente o couro cabeludo sem prejudicar tanto o efeito do alisamento, e na próxima lavagem use produtos para cabelos quimicamente tratados, para que eles sejam hidratados, fortalecidos e ajude a reparar a raiz dos cabelos quando estes começarem a crescer.

Além disso, o mais recomendado pelos dermatologistas é aplicar o shampoo sem sal somente no couro cabeludo e massagear com as pontas dos dedos estimulando o crescimento. Quando a espuma descer para o comprimento, enxague e aplique o condicionador do meio até às pontas do cabelo.

E se o cabelo também for oleoso? Como cuidar?

O tratamento para o cabelo oleoso é basicamente o mesmo, evitando ficar mais de um dia sem lavar os cabelos.

Lavar os cabelos todos os dias não aumenta a queda, muito pelo contrário, mantendo o seu couro cabeludo limpo e sem oleosidade você evita a queda.

Usar produtos sem óleo, e desenvolvidos para cabelos oleosos. Evitar o uso de óleos mesmo para a finalização.

Evite passar a mãos nos cabelos, porque isso distribui ainda mais o óleo do couro cabeludo por todo o comprimento do fio. Use presilhas ou rabo de cavalo se o cabelo estiver incomodando.

O indicado são os produtos com PH neutro, e os adstringentes, que não agridem o couro cabeludo não estimulam a produção de gordura.

Não deixe de usar o condicionador após o shampoo, pois mesmos os cabelos mais oleosos precisam do condicionador para manter as cutículas fechadinhas, protegendo suas madeixas, lembrando que o condicionador só deve ser usado do meio até as pontas dos cabelos, nunca na raiz.

Não esqueça que uma alimentação saudável também é importante para a saúde capilar, preferindo legumes, vegetais, carnes e peixes magros, laticínios e carboidratos. Os alimentos com alto teor de gordura e os doces agravam o problema da oleosidade da pele, o que inclui o seu couro cabeludo.

Quando for hidratar seus cabelos, use o hidratante do meio do cabelo para as pontas, sempre bem longe da raiz.

Evite o secador e quando o usar, sempre o mantenha longe da raiz e em temperatura baixa. A escovação estimula a produção das glândulas sebáceas, caspas da progressiva, encarregadas de produzir óleo e gordura no organismo (sebo), ocasionando que os fios fiquem mais fragilizados e aumentem a queda.

Vou poder fazer novamente a progressiva depois que tratar? Depois de quanto tempo?

Caspas da progressiva

Caspas da progressiva – como tratar no verão?

Sim, você pode fazer novamente a progressiva, a descamação é tratada e ninguém está livre de que ela possa voltar a acontecer as caspas da progressiva.

Quando a descamação ou caspa fez parte de um processo alérgico, é importante pensar sobre a escolha do novo produto quando for reaplicar a progressiva. Hoje há muitos produtos sem uso de formol e outras químicas que permitem que você mantenha seus cabelos lisos, sem problemas de caspas ou descamações e sem problema para a reaplicação em tempo curto.

Alguns produtos permitem inclusive o alisamento mesmo tendo sido usado qualquer tipo de química, como tintura, reflexo, balayage, permanente, alisamento com formol, até no mesmo dia.

Para as escovas progressivas feitas com fórmulas que contém formol, o tempo recomendado é de no máximo 2 vezes por ano para retoque, e a uma distância de 1 a 1,5cm da raiz, para não maltratar o bulbo capilar e acabar por resultar em uma queda excessiva de cabelo.

Caspas da progressiva – como tratar no verão?
ESTA DICA FOI ÚTIL? VOTE AQUI

Sobre Bruna Giese

Apaixonada pela escrita, formada em Letras e redatora nas mais diversas áreas existentes, com um foco ainda maior quando o assunto é moda e cuidados femininos.

Minha Página
Saiba Mais

contato@patricinhaesperta.com.br

redacao@patricinhaesperta.com.br

* Saiba como escrever para o site PatricinhaEsperta CLIQUE AQUI.

BAD HAIR DAY - Babyliss é a solução
Penteados para cabelos finos
Tags: , , , , , , , , ,

Faça seu comentário aqui

RSS 2.0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.