O Cansaço Não Te Deixa Fazer Nada?

Sabe quando, do nada, você começa a se sentir mais cansada, assim, sem motivo? Sabe quando dá aquela moleza, aquela preguiça, aquela “coisa” que parece “falha na bateria”, e a gente não consegue dar conta do que normalmente daria? É um cansaço que parece não ter fim, mesmo após horas de sono e descanso. Será que isso é normal?

Como a vida anda cada vez mais corrida, como não temos tempo para nada e nem paramos um único segundo, é normal que o cansaço venha, claro, bem como é normal que isso aconteça quando não dormimos direito, quando estamos vivendo momentos de estresse e de tensão, mas chega um momento em que é preciso verificar se isso é uma resposta normal do organismo a correria diária, ou se isso é  sinal de algum problema mais sério.

Assim, antes de pensar em tratar a fadiga é necessário tentar descobrir quais as suas causas, e isso um bom médico faz.

Cansaço-fadiga-400x300

A fadiga pode e, claro, deve ser avaliada clinicamente por uma determinada escala de sinais, como os que falei acima, mas é preciso analisar também quais outros fatores podem causar ou agravar o problema, como problemas hormonais, carências nutricionais, doenças autoimunes ou infecções, por exemplo.

Um exemplo claro de problema que causa fadiga extrema são os distúrbios hormonais, que pode acontecer com pessoas de ambos os sexos, embora seja mais comum nas mulheres, e nos homens somente após os 50 anos.

O que acontece aqui é um processo natural de declínio hormonal, e isso em si não é uma doença. Contudo, se ocorre de maneira brusca ou muito intensa, gera sintomas como a fadiga. Muitas vezes ela está relacionada com a queda de determinados neurotransmissores, como a serotonina , por exemplo, e isso quer dizer que essa queda hormonal está sim, relacionada com a fadiga, com o cansaço. Nesses casos, o ideal é fazer uma reposição de hormônio para reequilibrar o organismo e o funcionamento do sistema nervoso central.

Outra coisa que pode ocasionar o problema é a queda na produção dos hormônios tireoidianos, que além do cansaço extremo pode causar, ainda, sintomas de depressão, dentre outros. Há quem defenda, inclusive,  que esses hormônios devam ser repostos em casos de indivíduos com hipotireoidismo sub-clínico, que é quando os níveis hormonais estão no limiar ou levemente abaixo do ideal, que apresentem sintomas como fadiga ou cansaço, o que melhoraria a qualidade de vida desses indivíduos, mas esse é um posicionamento ainda não aceito por toda a comunidade médica.

Nesses casos, onde há baixa dos hormônios produzidos pela tireoide, mesmo que não ocorra a reposição de hormônios, que só pode e deve ser feita, claro, com indicação e supervisão médica, o paciente pode passar a consumir de forma regular mais alimentos que ajudem na produção desses hormônios, que são aqueles que contêm boas doses de selênio e de iodo. Apesar de não resolverem o problema, eles são ótimos coadjuvantes e podem ser encontrados em alimentos como a castanha de caju, a castanha-do-Pará, as algas marinhas e o sal marinho.

Beijos

Ju Lopes

 

O Cansaço Não Te Deixa Fazer Nada?
ESTA DICA FOI ÚTIL? VOTE AQUI

Kalina Amaro

Sou jornalista, blogueira, louca por cosméticos e chocolate. ? Escrevo sobre um pouco de tudo que for relacionado ao universo feminino.. mas você vai ver meus posts mais na categoria beleza. Se esta dica foi útil pra você VOTE no meu post clicando na entrelinha ☝ acima, tá? Faça seu comentário abaixo. Beijos lindonas ?

1 Comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.

error: O conteúdo está protegido por direitos autoriais.