Dieta da Proteína

A dieta da proteína, cujo criador é o cardiologista norte-americano Dr. Atkins, possui centenas de milhares de seguidores por aqui, já que promete ( e cumpre) uma perda rápida de peso.

Essa dieta sempre é motivo de polêmica ( adoroooooo  uma polêmica! hahaha), pois a ingestão  de uma grande quantidade de alimentos proteicos, como queijos, ovos e carnes e a proibição do consumo de carboidratos não é bem vista pela comunidade médica.

A dieta da proteína praticamente zera a ingestão de carboidratos ( inclusive verduras e legumes) e libera alimentos ricos em proteínas e gorduras.

Esse corte na ingestão de carboidratos se baseia na ação da insulina, que retira a glicose do sangue para ser usada como combustível do organismo. Quando se reduz o consumo de carboidrato e, consequentemente, da glicose, o organismo reduz a liberação de insulina e o corpo passar a usar a gordura estocada como fonte de energia.

Dessa forma, quando menos carboidrato a gente consome, mais o corpo queima gordura e leva a um emagrecimento intenso em curto período de tempo.

Parece um sonho, mas não é, pois essa dieta pode causar inúmeros problemas para a nossa saúde.

Foto: Reprodução

Primeiro que, ao reduzir drasticamente o consumo de carboidratos, reduz-se, também, o consumo de fibras, que causa problemas intestinais graves, sendo, inclusive, fator de risco para o câncer. Além disso, as fibras são essenciais no controle da glicemia e  dos níveis de gordura no sangue.

O alto teor de proteínas consumido acaba por sobrecarregar a função renal e aumentar as taxas de ácido úrico. O consumo elevado de gorduras, sobretudo gordura animal, aumenta o mau colesterol. No mais, há o risco de desenvolver doenças como diabetes tipo 2 e inúmeras outras complicações.

Outro problema, muito mais incômodo do que grave, é a elevada produção de cetose, que causa mal hálito e eleva a amônia, podendo causar toxidade.

Como o cérebro utiliza carboidratos como fonte de energia, e o carboidrato é cortado, o cérebro passa a utilizar gorduras e proteínas como fonte de energia, o que quebra o ciclo bioquímico do cérebro e acaba gerando mal estar, tonturas , fraqueza e desânimo.

Excluir, por um tempo prolongado, o carboidrato da dieta, reduz a atividade do pâncreas, que o órgão que produz insulina, o que faz com que a insulina permaneça por um tempo maior na corrente sanguínea. Quando isso acontece, o corpo tem bloqueada a capacidade de queimar gorduras. Daí o que se perde, a verdade, é líquido e massa magra.

Essa perda muito rápida de peso quase sempre ocasiona o efeito sanfona, que é uma agressão ao organismo e causa riscos à saúde.

Eu já tentei fazer essa dieta e fiquei irritadíssima, o que prova que ela não é pra mim!rs

No fim, a história é a mesma: milagres não existem e o que funciona é  a reeducação alimentar!

Beijos

Ju

julianalopes@patricinhaesperta.com.br /https://www.facebook.com/JuLopesPE

Dieta da Proteína
ESTA DICA FOI ÚTIL? VOTE AQUI

Kalina Amaro

Sou jornalista, blogueira, louca por cosméticos e chocolate. ? Escrevo sobre um pouco de tudo que for relacionado ao universo feminino.. mas você vai ver meus posts mais na categoria beleza. Se esta dica foi útil pra você VOTE no meu post clicando na entrelinha ☝ acima, tá? Faça seu comentário abaixo. Beijos lindonas ?

9 Comments
  1. Oi Ju, concordo 100% com você quanto à reeducação alimentar e acompanhamento nutricional. Porém como relato, a dieta funcionou para mim – meu marido malha e luta e sempre faz quando precisa queimar rápido, pois quem luta tem fases em que tem que emagrecer e fases que tem que crescer. Para mim não causou o efeito sanfona, pois tenho uma alimentação boa só que não tenho paciência para cortar tudo, e o bom é que essa dieta dá pra comer coisas gostosas e não passa fome, porém obrigatoriamente tem que acompanhar algum exercício físico. Além disso eu acrescentei uma porção de fibras diariamente, o que não deixou meu intestino parar, quanto ao mau hálito é verdade mesmo, mas a dieta não é definitiva, normalmente é feita por vinte dias que se caracterizam em fases, você começa só com proteínas magras e vai adicionando no decorrer dos dias. Considerando todas as dietas malucas que andam por aí acho que essa é uma das melhores que já fiz, isso que já faço essas loucuras desde meus 12 anos, imagina só, minha mãe me ajudava ainda…
    Bjos

  2. Nossa realmente, essas coisas muito milagrosas tem sempre um “mas…” e eu prefiro não arriscar…acho que ficaria um caco numa dieta de proteína hahahaha
    Beijos

  3. Ju, já fiz essa dieta.Não consegui prosseguir porque a vontade de comer doce me deixava maluca. Dá muita sede e vontade de doce e pão. Mas conheço gente que fez e conseguiu emagrecer até 20 quilos. Os homens tem mais facilidade pq não gostam tanto de pão quanto a gente. Conheci um que conseguiu só com salada e bife…rsrs e adorou a dieta.
    bjo

  4. Fiz e perdi 6 quilos, mais milagres nao existe, estou fazendo pilates 3x semana, faço caminhada e drenagem para manter…

  5. Emagrece sim, mas tb engorda rapido depois que para.
    Eu achei que uma das maiores desvantagens alem de desregular todo o funcionamento do organismo é que vc tb perde músculos, ai ja viu flacidez..
    Melhor coisa é comer pouco, varias vezes ao dia, a cada 3 horas, frutas , verduras, legumes,carnes sem gordura, sementes e muita agua, e exercício fisico, pronto vc emagrece com saúde..
    Bjocas

  6. Não gosto desta dieta, nos deixa sem energia e mal humoradas! A reeducação alimentar funciona mais, e pra vida toda!!

  7. Fiz a dieta da proteína e foi a única que funcionou!! depois de 3 dias de desespero por doces e massas, a cetose provoca a falta de apetite e ai é só alegria! Ver a barriga desaparecer não tem preço! não sou gorda mas gosto de comer. As vezes relaxo e depois tiro 1 semana pra fazer a dieta e perder peso.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

error: O conteúdo está protegido por direitos autoriais.