Como tirar mau cheiro das axilas

Como tirar mau cheiro das axilas?

Como tirar mau cheiro das axilas
Como tirar mau cheiro das axilas

O que causa mal cheiro das axilas

Muitas pessoas não sabem, mas apesar de ser algo desagradável e inconveniente a transpiração possui um papel fundamental em nosso organismo. É através da transpiração que o corpo libera toxinas para manter uma temperatura estável.

Apesar de ter um papel necessário no organismo, o suor excessivo pode indicar alguns tipos de doenças como pode significar distúrbios localizados nas glândulas, causa racial, hormonal ou emocional.

O suor excessivo também é conhecido como hiperidrose, este problema atingi muitas pessoas, principalmente em sua fase de adolescente, mas pessoas de todas as idades podem sofrer de hiperidrose.

O problema de hiperidrose é dividido em dois níveis diferentes, o primário e secundário que iremos explicar quais os fatores de cada nível. Hiperidrose primária e secundária são diferentes e possuem suas características e fatores.

Hiperidrose: Primária

Sudorese excessiva ou conhecida em termos médicos como hiperidrose primária ocorre quando as pessoas suam além do normal. Seres humanos com distúrbios apresentem este tipo de problema no organismo quando a temperatura do ambiente está em um nível baixo, ou quando elas estão em seu período de descanso. A doença de hiperidrose atinge de 1-3% da população.

As artes do corpo que costumam ser mais afetadas por este problema de saúde são as mãos (conhecidas como hiperidrose palmar), os pés (chamados de hiperidrose palmar) e por último que é a parte do corpo que mais incomoda as pessoas que soam em excesso são as axilas (hiperidrose axilar).

Em alguns casos mais difíceis de ocorrer, mas existem pessoas que sofrem com o suor excessivo no rosto, couro cabeludo e nas costas. É importante as pessoas prestarem a atenção em quanto soa diariamente, se perceberem que não está normal e incomodando muito de imediato procure um dermatologista.

Atualmente com o avanço da medicina e tratamentos, existem maneiras que trazem eficácia para solucionar este tipo de problema, como medicamentos tópicos, aplicação de botox ou cirurgia, além desses tratamentos existe os caseiros que também trazem resultados.

Mas antes de qualquer tratamento é preciso verificar se o suor excessivo se enquadra no nível primário ou secundário, no caso se ela indicar outras doenças pode se enquadrar na hiperidrose secundária.

Veja também:

Hiperidrose: Secundária

Como comentamos a cima, a hiperidrose secundária é diagnosticada quando ela é derivada de algumas doenças e outros problemas de saúde como:

Menopausa – Todas as mulheres passam pelo período de menopausa quando estão na idade entre 45 a 55 anos. A menopausa normalmente causa suor excessivo no corpo nesta idade, as mulheres costumam chamar de “ondas de calor”.

O suor excessivo na menopausa ocorre por conta da diminuição dos níveis de estrogênio no organismo, essa diminuição afeta a região do cérebro responsável por regular a temperatura do corpo. As famosas ondas de calor podem durar cerca de 30 minutos, causando suor e também pode causa o mau cheiro nas axilas;

Depressão, ansiedade e estresse – O suor excessivo não está apenas ligado a problemas no organismo, mas também pode estar ligados a problemas psicológicos. Quando o suor excessivo é causado por problemas como a depressão, ansiedade e estresse são chamados de – hiperidrose emocional.

Quando o paciente apresenta o problema de hiperidrose derivada de problemas emocionais, além de consultar um dermatologista deve também ter um acompanhamento de um psicólogo ou psiquiatra. Na grande maioria dos casos o problema pode ser resolvido por algum tratamento que estes profissionais podem indicar.

Problemas hormonais – O suor excessivo pode também ser derivado de problemas hormonais, por exemplo, pode estar ocorrendo alterações na glândula da tireoide. Quando a hiperidrose é causada por conta dos hormônios e alterações na glândula, além de um dermatologista o paciente precisa buscar um endocrinologista ou ginecologista, porque são profissionais aptos que podem avaliar a causa da sudorese.

A doença de diabetes também pode causar transpiração em excesso, um exame de sangue para verificar a glicemia pode diagnosticar ou não a doença.

É fácil perceber se seu suor está excessivo ou não, todas pessoas transpiração, mas quando essa transpiração começa e dura mais de 15 minutos, algo pode estar errado.

Bromidrose – odor corporal

O suor excessivo causa mau cheiro nas axilas e nós pés, são os lugares no corpo que mais geram um odor ruim, este problema é chamado de bromidrose que é causado pela decomposição do suor do corpo pelas bactérias que estão na pele.

Os tratamentos para combater o mau odor podem ser feitos com sabonetes antissépticos, desodorantes anti-transpirantes e em certos casos podem ser tratados com antibióticos.

Todos os seres humanos possuem glândulas apócrinas, e essas glândulas apresenta em todas as pessoas um odor nas axilas e nas virilhas, mas em alguns casos esse odor é excessivo. Essas pessoas que sofrem com um mau odor corporal a cima da média possuem dificuldades para controlá-lo.

O grupo de pessoas que mais sofrem com mau odor por conta do suor excessivo são os homens e jovens pós-puberais. Isso porque um estudo apontou que as pessoas com mau cheiro corporal apresentam em seu corpo com um maior número de glândulas apócrinas. Nestas pessoas as glândulas também podem ser maiores do que nas pessoas que não sofrem com um mau cheiro nas axilas com frequência.

  • Fatores genéticos;
  • Excesso de suor;
  • Quantidade de bactérias presentes na pele;
  • Falta de higiene pessoal adequada;
  • Obesidade;
  • A doença de diabetes mellitus;
  • Cigarro;
  • Ingestão de alguns tipos de alimentos em grande quantidade e frequência como cebola, alho, pimenta e curry;
  • Ingestão de álcool;
  • Ingestão de antibióticos como penicilina.

Muitos tratamentos terapêuticos estão disponíveis para realizar o tratamento do odor corporal. Cada tratamento deve ser direcionado para tratar a causa do mau odor e também melhorar a qualidade de vida do paciente.

Os tratamentos terapêuticos possuem dois objetivos:

  1. Controlar a quantia de suor;
  2. Tratar o organismo para reduzir o número de bactérias na pele.

Como prevenir o mau cheiro das axilas?

Proteger as axilas do mau odor desde a hora do banho!

Comece pelo banho, é importante que você saiba que tudo faz diferença na hora de evitar o cheiro desagradável das axilas. Por isso, se você tem apresentado problemas assim, é preciso algumas mudanças que começam justamente pelo banho. É importante que as pessoas que sofrem com o suor excessivo sempre tomem mais banhos durante o dia e lavar as axilas com sabão antibacteriano pelo menos duas vezes ao dia. Isso é muito importante: troque o seu sabonete convencional e com cheiro, por um específico que seja antisséptico.

Além disso, uma boa pedida para lavar as axilas é uma bucha, mas lembre de que a pele é sensível, portanto, nada de passar muito forte, senão você pode acabar machucando.

Um detalhe muito importante é depois do banho, é preciso que você seque muito bem a região para proteger as axilas do mau odor, assim também evita o aparecimento de fungos, que podem causar o mau odor.

Proteger as axilas do mau odor desde as roupas que usa!

Próximo passo tem relação total com o que você usa de roupas. Para quem já sofre do problema, o melhor mesmo é começar a utilizar apenas roupas que sejam feitas totalmente de algodão para que a pele possa respirar, assim você evitará o cheiro ruim.

Saiba que os tecidos sintéticos podem acabar evitando que a pele respire, e isso fará com que a proliferação de bactérias seja maior.

As cores também influenciam o cheiro. Por isso, aproveite  o verão e dê preferência por peças coloridas e que não deixem a axila apertada.

  • Dica 1: Tecido pesado e grossos devem ser evitados;
  • Dica 2: Nada de repetir roupas, elas podem acumular cheiro e causar o mau odor;
  • Dica 3: Evite ao máximo a utilização de roupas de outras pessoas.

Proteger as axilas do mau odor com depilação?

Depilação sim! É uma boa opção sempre raspar os pelos das axilas para que as bactérias que estão nos pelos sempre sejam retiradas. Se você tem suado muito, pode aplicar algumas compressas de chá preto, que ajudarão na diminuição desse suor.

E o melhor tipo de desodorante é o antitranspirante. Ainda falando sobre desodorante, é importante que você saiba que nem sempre as escolhas dos perfumados, pode ser a melhor.

Mau cheiro nas axilas piora com pelos e suor excessivo

Em alguns casos, o perfume mistura com o seu odor, podendo deixar ainda pior. Mas saiba que o mais importante não é se o desodorante tem ou não perfume, mas sim, a sua potência e de como o corpo reage ao produto.

Se você optar por um desodorante que seja antitranspirante, é importante saber que não existe a necessidade de repassar ele durante o dia, a sua duração é maior, e o efeito contra o suor e o cheiro também. Mas no caso dos que são mais suaves, o ideal é andar com eles na bolsa para recolocar durante o dia. Por isso, sempre a escolha faz toda a diferença.

Sabemos que a depilação das axilas, por vezes, se torna algo muito rápido, feito na hora do banho, e acabamos saindo logo depois para fazer algo.

Por isso, o importante é que você faça a depilação (principalmente com lâmina) à noite, e não passe desodorante, porque a pele está sensível demais. Espere pelo menos 24 horas para passar o desodorante no pós-depilação.

Procurar um dermatologista e fazer um tratamento para tratar problemas na pele para não ter mau cheiro, como as micoses.

Se o caso de suor excessivo estiver em um estágio muito avançado será necessário um tratamento que incluem iontoforese, que é o uso da toxina botulínica, pode ocorrer até cirurgias para a remoção das glândulas sudoríparas.

Precisa ser feito a remoção de forma definitiva dos pelos das axilas, por mais que não seja de gosto pessoal isso irá ajudar aliviar o mau cheiro e bactérias.

Manter sempre que possível uma alimentação saudável.

Tratamento com uso de antibióticos tópicos como o clindamicina ou eritromicina, um médico pode indicar qual o melhor para cada caso.

Cirurgia de lipossucção para que sejam removidas as glândulas apócrinas da axila.

O tratamento a base de laser das glândulas apócrinas pode ser a solução! Fale com seu médico.

Nem todos os tratamentos precisam ser á base de remédios, cosméticos, cirurgias ou laser, existem muitos tratamentos caseiros e alternativos que são eficazes e trazem bons resultados, tirando o mau odor das axilas e diminuindo o suor em determinadas regiões do corpo.

Remédios para tirar o mau cheiro das axilas

Como tirar mau cheiro das axilas com leite de magnésia
Como tirar mau cheiro das axilas com leite de magnésia

Como tirar mau cheiro das axilas com leite de magnésia

O leite de magnésia é uma solução aquosa do hidróxido de magnésio em uma concentração de cerca de 7% de massa. Este líquido branco e espesso é utilizado na aplicação como antiácido e laxante.

O leite de magnésia começou a ser utilizada como desodorante e trás muitos benefícios em seu uso para pessoas que sofrem com mau odor por conto do suor excessivo.

Ao utilizar o leite de magnésio as substâncias que o compõem neutralizam o odor da região do corpo que mata as bactérias, consequentemente evitará que as substâncias orgânicas se decomponham e eliminem o suor.

O leite de magnésio pode ser encontrado em qualquer farmácia e seu preço gira em torno de R$7,99

Saiba mais:

Como tirar mau cheiro das axilas com Bicarbonato de Sódio

Como tirar mau cheiro das axilas com Bicarbonato de Sódio
Como tirar mau cheiro das axilas com Bicarbonato de Sódio

O bicarbonato de sódio é outra solução eficaz e alternativa para retirar o mau cheiro das axilas. Separe duas colheres de bicarbonato de sódio, pode ser o comprado em farmácia ou supermercado, vá adicionando algo até que vire uma pasta, aplica nas axilas e deixe agir de 10 a 20 minutos, logo em seguida lave bem com água corrente.

O bicarbonato limpa a pele e mata as bactérias, e diferente do que muitos acham, ele não mancha a pele, mas é preciso retirar a pasta com bastante água logo após do tempo de 20 minutos, se não sim, ele pode manchar a pele.

Tanto na farmácia como no supermercado o bicarbonato de sódio gira em torno do valor de R$3,99 a R$6,99.

10 dicas com bicarbonato de sódio

Como tirar mau cheiro das axilas com Limão

Como tirar mau cheiro das axilas com Limão
Como tirar mau cheiro das axilas com Limão

Pelo menos uma vez ao dia antes do banho corte um limão ao meio e passe cada metade em cada uma das axilas, deixe agir por cerca de 10 minutos e depois tome banho normalmente. O limão retira os resíduos das axilas que podem causar o odor, eliminando o mau cheiro.

O limão pode ser conciliado com o bicarbonato de sódio, prepare uma pasta a base de bicarbonato e gotinhas de limão, passe nas axilas antes do banho e deixe agir por 15 minutos e retire.

Como tirar mau cheiro das axilas com Vinagre

Como tirar mau cheiro das axilas com Vinagre
Como tirar mau cheiro das axilas com Vinagre

O vinagre costuma ser preparado para ser utilizado como desodorante, ele mata as bactérias e limpa a região, não deixando que o mau odor apareça.

Misture em um borrifador meia xícara de água natural, 3 colheres de vinagre de maçã e 1 colher de essencial da preferência que desejar, misture bem e aplique nas axilas após o banho.

Vídeo 5 USOS PARA O VINAGRE

Outros remédios e métodos que podem tirar o mau cheiro das axilas são:

• Protetor de axilas;
• Creme anti-transpirante;
• Palmilha antiodor para os pés;
• Neutralizadores de odores corporal.

Como tirar mau cheiro das axilas nas roupas

Como tirar mau cheiro das axilas nas roupas
Como tirar mau cheiro das axilas nas roupas

Pessoas que suam em excesso sofrem com o problema de suas roupas terem mau cheiro, mas alguns passos que iremos mostrar são possíveis deixar as roupas limpas e sem mau cheiro por conta das axilas.

Se você sofre com transpiração e mau cheiro nas axilas, o recomendado é utilizar apenas uma vez a roupa e colocar para lavar, quanto antes a roupa for lavada menos chance de ela pegar cheiro;

Após as roupas lavadas você perceber que ainda estão cheirando, faça uma pasta á base de água e bicarbonato e passe nas roupas na região das axilas deixem agir durante toda uma noite e depois passe a peça na água que o mau cheiro sumirá;

Outra receita caseira que tira mau cheiro das roupas é lavar a região das axilas nas roupas com vinagre e água, deixar agir por um tempo e depois enxaguar;

O vinagre é uma ótima solução para tirar o mau cheiro das roupas causado pelas axilas, mas o limão também pode ser outra opção eficaz. Misture suco de limão com a mesma quantidade de água e esfregue bem as regiões com mau cheiro, após isso coloque para bater com água e sabão e lave normalmente.

O mau cheiro das axilas é contagioso
O mau cheiro das axilas é contagioso?

O mau cheiro das axilas é contagioso?

O mau cheiro nas axilas pode ser contagioso sim, mas isso só quando os produtos de higiene pessoal ou roupas são compartilhados. Se você sofre de hiperhidrose ou outro problema que causa suor excessivo e mau cheiro nas axilas, evite dividir seus produtos de higiene como desodorantes e sabonetes com outra pessoa, evite também emprestar roupas por mais que você lave.

Com tratamentos e métodos é possível levar embora o mau cheiro nas axilas e diminuir este problema, ele não será mais frequente.

Se caso as receitas caseiras e os métodos alternativos não trazerem resultados, o recomendado é a procura de um médico para que ele indique tratamentos mais eficazes.

As dicas foram úteis? O que você faz para tirar o mau cheiro das axilas? Compartilhe sua experiência com a gente.

Como tirar mau cheiro das axilas
4.9 (97.14%) 21 Votos

Kalina Amaro

Sou jornalista, blogueira, louca por cosméticos e chocolate. ? Escrevo sobre um pouco de tudo que for relacionado ao universo feminino.. mas você vai ver meus posts mais na categoria beleza. Se esta dica foi útil pra você VOTE no meu post clicando na entrelinha ☝ acima, tá? Faça seu comentário abaixo. Beijos lindonas ?

1 Comment
  1. Olá, muito bom este artigo, eu acabei com o odor com o spray tratamento Ispirato, é maravilhoso e 100% natural, não vivo mais sem ele…

Leave a Reply

Your email address will not be published.

error: O conteúdo está protegido por direitos autoriais.