Trate Os Fios Com O Óleo de Andiroba!

Quem acompanha o blog há mais tempo sabe que eu sou super partidária dos óleos e manteigas vegetais, porque proporcionam excelentes resultados, têm o preço bom e são puros, sem corantes, conservantes, parabenos e, melhor ainda, sem testes em animais.

Mas o que, afinal, os óleos e manteigas vegetais proporcionam? De modo geral, salvo raras exceções, eles são agentes de nutrição, que fazem a reposição lipídica e garantem brilho, maciez, sedosidade, menos frizz e volume controlado. Ou seja, é para amar ao cubo!

Testo muitos óleos vegetais (e essenciais também, porque sou #aloka da aromaterapia), já falei de alguns aqui, e hoje falarei um pouquinho de um óleo típico da Amazônia, o óleo de andiroba!

Fiquei curiosa com esse óleo depois de experimentar alguns produtos da Natura, mas falo sobre isso depois. Na composição do óleo de andiroba dá para encontrar ácido palmítico, ácido oleico, ácido linoleico, ácido mirístico, taninos e vários outros ativos preciosos para os fios.

Extração tradicional de óleo de andiroba pode acabar

Tal composição faz desse um óleo altamente hidratante, nutritivo e emoliente, que pode ser utilizado em todos os tipos de cabelo, sendo mais indicado, contudo, para cabelos crespos, cacheados, afro, danificados e super ressecados, que são mais secos.

Os benefícios imediatos do óleo de andiroba são:

  • Mais brilho
  • Mais Maciez
  • Sedosidade
  • Nutrição
  • Hidratação
  • Controle do Frizz
  • Recuperação das pontas espigadas

Como Usar?

Ele pode ser utilizado de várias formas, mas venho usando para fazer umectações e para potencializar as hidratações.

Para quem não sabe ainda, a umectação é um processo super fácil de fazer que garante a nutrição dos fios. A umectação “simples” é feita aplicando uma pequena quantidade do óleo de mecha em mecha, sem encostar na raiz, deixando agir por uma hora e lavando como de costume em seguida. Esse procedimento pode ser feito uma vez na semana. Já a umectação “completa” é feita deixando o óleo agir nos fios por mais tempo, tipo 8 horas, por isso façam a noite, sem o marido/namorado/afins por perto, porque né, dormir com óleo na cabeça e marido do lado não é uma boa idéia!

Quem tem cabelos oleosos pode fazer o procedimento apenas nas pontas. E, quem sofre com pontas espigadas pode fazer a umectação “simples” nas pontas todos os dias antes de lavar os fios.

A outra forma de uso é para potencializar a hidratação. Para fazer isso basta misturar uma colher das de sopa na máscara de hidratação (na porção separada para uso no dia, não é pra misturar no pote, não!) e aplicar nos fios. Ele vai potencializar o efeito nutritivo e dar um resultado melhor à hidratação. Adoro fazer isso com as hidratações da Novex, daquelas dos potões, porque o resultado melhora muito!

As meninas de cabelos muito cacheados, muito crespos e muito volumosos podem misturar três gotinhas desse óleo na hora de aplicar o leave-in para ajudar a manter os fios “domados” e mais brilhosos. Em outros tipos de cabelo o efeito é ruim, porque acaba pesando nos fios, então não indico!

Onde Comprar?

Várias lojas virtuais vendem, mas verifiquem se é óleo vegetal 100% puro! Ele é barato e 100 ml, que rende muito, custa, em média, 13 Dilmas.

Trate Os Fios Com O Óleo de Andiroba!
5 (100%) 2 Votos

Kalina Amaro

Sou jornalista, blogueira, louca por cosméticos e chocolate. ? Escrevo sobre um pouco de tudo que for relacionado ao universo feminino.. mas você vai ver meus posts mais na categoria beleza. Se esta dica foi útil pra você VOTE no meu post clicando na entrelinha ☝ acima, tá? Faça seu comentário abaixo. Beijos lindonas ?

4 Comments
  1. Eu adooro deixar meus cachos bem definidos

  2. Eu não vivo sem esse óleo realmente VC vê a diferença quando usa nos cabelos. Eu amo?

Leave a Reply

Your email address will not be published.

error: O conteúdo está protegido por direitos autoriais.